quarta-feira, 17 de Setembro de 2014 07:28h

Galo tenta a vitória fora de casa

Os jogos fora de casa têm sido um tormento para o Atlético no Campeonato Brasileiro. Até agora, o time de Levir Culpi atuou dez vezes como visitante, obtendo duas vitórias, três empates e cinco derrotas.

O último triunfo aconteceu no distante dia 22 de março, por 3 a 2, contra o Vitória, em Feira de Santana.

Para complicar a situação, o Galo encara na sequência do Brasileirão mais dois difíceis compromissos longe do Horto: primeiro o Goiás, nesta quinta-feira, no Serra Dourada, e depois o líder Cruzeiro, neste domingo, no Mineirão.


Segundo o volante, Leandro Donizete, o time precisa se reinventar na sequência da competição e mudar seu desempenho como visitante. Caso contrário, seguirá numa posição intermediária na tabela. “Agora é buscar fora, né? Está difícil ganhar fora, mas vamos buscar nestes dois jogos, primeiramente contra o Goiás, depois tem o clássico. Esperamos fazer duas vitórias para ficar lá em cima perto da zona de conforto”, analisou.


Na opinião do jogador, o Atlético vem mostrando um bom futebol fora de casa, mas peca muito no momento de definir as partidas. “A equipe vem jogando bem. Contra o Corinthians já tinha feito um belo jogo, mas não conseguiu vencer. Vem criando muitas chances de gols, mas infelizmente não estamos matando o jogo e está acontecendo de os resultados saírem ruins, empate, uma derrota que tivemos aí”, lamentou.


Especificamente sobre a partida contra o Goiás, Donizete lembra que as dimensões do Estádio Serra Dourada costumam complicar os times visitantes. “A equipe deles joga muito bem dentro de casa e está acostumada, campo enorme, muito espaço, difícil de você estar colado no cara. E no Brasileiro também não tem jogo fácil. Vamos para vencer, se Deus quiser vamos fazer um belo jogo e voltar a vencer fora”, disse o volante.

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.