quarta-feira, 2 de Abril de 2014 07:14h

Galo vai para a Colômbia em busca da classificação

O Atlético embarcou na terça-feira à tarde para a Colômbia, onde enfrentará o Santa Fe, quinta-feira, às 23h, pela Taça Libertadores.

Após garantir vaga na decisão do Campeonato Mineiro, o Galo entrará em campo com o intuito de garantir sua classificação para a fase de mata-mata da competição intercontinental.

O atacante Diego Tardelli, recuperado de dores na coxa direita, acredita que o Galo repetirá o que fez no ano passado e vai conseguir se dar bem na semana decisiva nas duas competições em disputa. "O que a gente vem fazendo mostra que o trabalho do Paulo (Autuori) vem aparecendo. Estamos num momento que precisamos jogar bem e ser o mesmo Atlético de 2013. Este é o melhor momento e vamos mostrar nossa força, nosso elenco e nosso potencial", disse o camisa nove.

Mesmo encarando o lanterna do grupo, o atacante atleticano sabe que o time não encontrará facilidades na Colômbia e prevê um duelo muito complicado na quinta-feira. "Para mim, será o jogo mais difícil da Libertadores para a gente. Eles precisam do resultado e da classificação e contam com a pressão da torcida. Vamos jogar fechados e explorar o contra-ataque, que é nosso ponto forte. Temos que encarnar o espírito da Libertadores", afirmou Tardelli.

Já o volante Pierre, que se recuperou de um edema na panturrilha esquerda, aposta na experiência do elenco atleticano para superar as adversidades e brigar mais uma vez pelo título da Libertadores. "Somos um time mais maduro e mais acostumado com a competição. Sabemos superar os momentos adversos durante a partida. Todo mundo sabe da responsabilidade e das dificuldades que encontraremos lá na Colômbia" afirmou.

Além de vencer o Santa Fé para confirmar a classificação para o mata-mata, o Galo quer terminar a fase de grupos com uma pontuação alta. "Vale classificação e a gente quer chegar numa pontuação boa para ter a vantagem de decidir em casa", acrescentou Pierre.

O volante Josué, com uma pubalgia, e o atacante Fernandinho, com estiramento na coxa esquerda, não viajam com a delegação alvinegra para a partida na Colômbia. Já Ronaldinho Gaúcho, poupado contra o América, é outro que tem o retorno garantido ao time titular.

Leia Também

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.