terça-feira, 25 de Fevereiro de 2014 06:30h Atualizado em 25 de Fevereiro de 2014 às 06:39h.

Galo vence de virada e volta a campo na quarta-feira

Depois de começar perdendo por dois gols de diferença, o Atlético mostrou poder de reação e venceu o América por 3 a 2, neste domingo, na Arena Independência.

A partida foi válida pela 7ª rodada do Campeonato Mineiro. Obina marcou os dois gols do América no primeiro tempo e Diego Tardelli (2) e Jô, na etapa final, fizeram para o Galo.
Com o triunfo no clássico, o Alvinegro chegou a onze pontos e subiu para o 3º lugar no Estadual. Na próxima rodada do Estadual, o adversário será o Villa Nova, no próximo sábado, em Nova Lima. Antes, nesta quarta-feira, o Galo receberá o Independiente Santa Fé, da Colômbia, pela Copa Bridgestone Libertadores da América.
No clássico disputado neste domingo, na Arena Independência, o atacante marcou dois gols e fez a jogada do gol anotado por Jô.“É sempre bom a equipe voltar a vencer e dentro de casa, o que é o mais importante, porque a gente estava precisando. Fizemos um excelente segundo tempo, todo mundo já está se sentindo bem fisicamente e, aos poucos, a gente está melhorando”, disse o goleador.
Tardelli vive a expectativa de ser convocado pelo técnico Luis Felipe Scolari para defender a Seleção Brasileira. “Amanhã tem convocação, fico na expectativa. É bom voltar a marcar na véspera de uma convocação, mas deixo nas mãos de Deus e do Felipão”, comentou o atacante, que comemorou a boa atuação. “Procuro sempre me cobrar muito e, no último jogo, não fiz uma boa partida. Eu estava louco para chegar esse próximo jogo e dar a volta por cima. Fico feliz por voltar a jogar bem”, concluiu Tardelli, que foi elogiado pelo técnico Paulo Autuori.“O Tardelli é questão de tempo, é um grande jogador, todos sabem. O que ele já fez aqui no Atlético diz tudo que ele pode render, individualmente e para a equipe”, ressaltou o treinador.

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.