terça-feira, 22 de Abril de 2014 04:38h Atualizado em 22 de Abril de 2014 às 04:40h. Lorena Silva

Grupo de moutain bike faz peregrinação de Pedra do Indaiá a Divinópolis para fazer doações para comunidade

Muitas pessoas, atraídas pela atividade comercial desse período, acabam se esquecendo que a Semana Santa é também uma época para reflexão.

Para o supervisor administrativo, Alyson Martins, essa é uma data que também deve ser utilizada para fazer o bem. E foi com essa premissa que Alyson, juntamente com a sua equipe de moutain bike “Trepa Barraco”, organizou uma peregrinação de Pedra do Indaiá com destino a Divinópolis.
A peregrinação entre as duas cidades, distantes aproximadamente 45km, tem o objetivo de trazer doações de roupas, alimentos e utensílios diversos para a comunidade Servos da Cruz, de Divinópolis. O grupo de peregrinos, formado por aproximadamente 20 pessoas, todas percorrendo o caminho de bicicleta, saiu de Pedra do Indaiá hoje às 4h, e a previsão é que chegue a Divinópolis às 10h.

GRUPO
O grupo “Trepa Barranco” tem integrantes com idades de 12 a 55 anos, todos do sexo masculino. Essa é a primeira vez que o grupo realiza uma ação dessa forma. Como já praticam o mountain bike há muito tempo, sentiram a necessidade de aliar o esporte a alguma iniciativa social. “A ideia era trazer mais espiritualidade para essa data. Usar o esporte como ferramenta de encontro do corpo com a alma”, explica Alyson.
Já a ideia de colaborar com a comunidade Servos da Cruz, Alyson explica que surgiu a partir do conhecimento do trabalho realizado pela instituição. “Eu e minha esposa Carla já conhecemos o trabalho da comunidade há algum tempo. Sabemos do trabalho digno que é realizado lá e também como é difícil viver de doações.”
A comunidade recebe crianças e adolescentes que sofreram abusos e maus tratos e são encaminhadas à instituição pelo Conselho Tutelar ou pela Vara da Infância e Juventude.

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.