quarta-feira, 30 de Janeiro de 2013 10:33h Luciano Eurides

Guarani ainda não está 100% para a estreia no Campeonato Mineiro

Eric afirma que a defesa do Galo é boa e o gol somente foi possível devido ao bom trabalho realizado

O Guarani de Divinópolis ainda não está pronto para a estreia do Campeonato Mineiro 2013, segundo o treinador Leston Júnior ainda falta alguns ajustes e a equipe considerada titular até o momento pode sofrer modificação para a estreia, sábado, contra a Caldense em Poços de Caldas.

O treinador fez um trabalho físico técnico no Waldemar Teixeira de Faria e essa não é a maior preocupação do treinador, além da condição tática ele se preocupa com o físico. Para o comandante do Guarani o teste frente o Galo serviu de termômetro para ele. “Foi dentro do esperado de boa intensidade e de uma qualidade dentro daquilo que vinhamos trabalhando e agradou a todos e não é suficiente para uma grande estreia, ainda temos de corrigir algumas coisas, temos o trabalho de uma semana ainda e melhorar alguns aspectos e voltar de lá com o resultado positivo”, garantiu.

A equipe a iniciar a partida contra a Caldense depende ainda de uma definição. “Não dá para dizer a tendencia é 90% mantida mas temos ainda algumas seções de treinamentos e onde precisa estar atento aos pequenos detalhes, aspectos deve ser priorizada e até mesmo em detrimento a  condição técnica e tática por ser inicio de competição. O aspecto tático de informações sobre a Caldense”, afirmou Leston Júnior.

A partida frente o Atlético Mineiro, embora um pouco apática para alguns, mas importante para quem estreia na competição, como os de Leston Junior. “O jogo treino contra o Atlético foi uma simulação, eu acredito que o time não deve ser muito diferente e se houver uma mudança ela será natural e em setores pontuais e dentro daquilo que entendemos ser o necessário”, confirmou.

Um time em evolução, assim pode ser definido o representante divinopolitano no módulo do estadual. “Evolução dentro do esperado, a partir do momento em que se começa a equilibrar o time fisicamente a resposta tática e técnica também começa a ser melhor, assumimos o risco de fazer aquele jogo treino contra o Santos como primeira atividade e isso foi calculado pois precisamos acelerar o processo de crescimento do time e o jogo com um time daquela grandeza nos deu realmente uma direção, um rumo a tomar na montagem do elenco. A sequencia o São Bento já percebemos uma evolução e também aos treinos no dia a dia foi uma resposta positiva e o jogo treino contra o Atlético veio a se consolidar a nossa ideia”, declarou Leston Júnior.


ERIC

fator importante também é o atacante do Bugre marcar gol em cima da defesa do Galo. Muito comemorado e enche de esperança a torcida da cidade. “Importante atacante vive disso é nossa função e temos de fazer gols, um gol contra o Atlético foi importante para o treinamento e observações do professor e agora é estar trabalhando bem para estrear no final de semana. A equipe é boa, unida e já estamos trabalhando há algum tempo e já foi possível se adaptar e entrosar com os companheiros”, afirmou o homem gol do Guarani.

O centro avante não fez um gol em qualquer defesa e sim a do Atlético Mineiro internacionalmente elogiada. Eric aforma que a defesa do Galo é boa e o gol somente foi possível devido ao bom trabalho realizado. “O time deles é muito bom, a defesa se destacam em ir ao ataque e fazer gols. Fiz o meu e centro avante é isso, tem de estar sempre dentro da área brigando pela bola e se sobrar tem de colocar para dentro”, avaliou.


ADVERSÁRIO REZA

A Caldense, primeira adversária do Guarani tem na programação da manhã de hoje a realização de uma missa. A celebração será ás 9h com Padre Ságio.  A tarde treino tático.

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.