quinta-feira, 12 de Julho de 2012 14:52h Luciano Eurides

Guarani apresenta artilheiro Robert para acabar com jejum de gols

O treinador Gian Rodrigues, analisou as imagens do jogo contra o Volta Redonda, reiterou que o domínio foi de 75% do Bugre e acabou aceitando que o resultado foi injusto.

O Guarani apresentou o mais novo reforço para a disputa da série D do Campeonato Brasileiro. Robert, vice artilheiro da Taça Minas Gerias pelo próprio Guarani terá a missão de marcar os gols que tanta falta faz ao time divinopolitano. Depois do Bugre, ele esteve no Boa e estava parado a cerca de 40 dias.

 


O jogador esteve em Divinópolis, falou ainda ter alguns acertos a serem feitos, mas treinou. “Ele pediu para eu vir, já conversamos por telefone, o Gian me ligou conversei com ele. Eu estava descansando, um mês e pouco, me mantive, fiz academia e joguei minhas peladas. Vou fazer de tudo essa semana para conseguir jogar na segunda-feira (contra o Nacional em Nova Serrana) é um time bom de jogar, só me trás boas lembranças”, falou.

 

O treinador Gian Rodrigues, analisou as imagens do jogo contra o Volta Redonda, reiterou que o domínio foi de 75% do Bugre e acabou aceitando que o resultado foi injusto. “Essa semana as imagens serão passadas aos atletas não apenas em nível de posicionamento, mas em nível de rendimento individual, para que eles entendam. O poder de decisão é deles, eles tem de ter confiança e eu tenho confiança neles. Segundo jogo nosso (Guarani e Volta Redonda) não mantivemos a base, diferente de Nacional, Aracruz e Friburguense”, falou.

 

O treinador ressaltou a importância do jogo. “Temos de ficar atento que não é o último da vida, teremos ainda cinco jogos, mesmo não vencendo, pode-se chegar a 16 pontos. Sabemos ser um jogo difícil, na nossa chave ainda não há time que fez dois gols no mesmo jogo”, disse.

 

A chegada de Robert vai ajudar a superar a falta de gols. “Se tiver um favorito, certamente é o deles, pois a folha de pagamento é oito vezes maior, time que manteve a base, não parou, contratou e reforçou, eles tem oito vezes mais a responsabilidade de vencer o jogo. Temos uma semana longa, alguma coisa pode acontecer, tem o Robert que chegou. Foi solicitado por mim e apoiado pela diretoria”, considerou.

 

Essa falta de gols tem atormentado os atletas Chico Marcelo falou sobre a necessidade de vencer. “Temos de somar pontos fora, perante o Nacional, é um clássico. Temos dois jogadores de área, o Jonathan e o Cadu e precisamos arrematar mais a gol, estamos criando bem a partir do meio campo, vamos concluir em gol. Pegar confiança”, decretou.

Leia Também

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.