sábado, 12 de Dezembro de 2015 03:06h Atualizado em 12 de Dezembro de 2015 às 03:37h. Luciano Eurides

Guarani continua pré-temporada e na busca de reforços

O Guarani de Divinópolis fez uma semana intensa de treinos, usou o Waldemar Teixeira de Faria, o Divinópolis Tênis Clube e o Campo da Gerdau

As novidades: a presença de Fabrício, atleta divinopolitano revelado no América e com experiência em grandes times do Brasil e do exterior. Quatro atletas do juvenil. Já o meia Luis Fernando, é aguardado, mas isso deve ficar mesmo para os primeiros dias de 2016.


Quando a bola rolou, trabalharam a opção de passe. Tomar a decisão correta, com rapidez. Trabalhada a saída de bola e reposição na marcação. O sistema defensivo é montado com Felipe Cordeiro, Lula, Murilo e Canhoto. Renan à frente da zaga. Logo no início da atividade, o volante Renan, em um lance com Romarinho, sentiu o pé direito. Continuou, mas ainda demonstrando um certo incômodo.


No movimento de ataque, o time começou com Marcos Vinícius no comando de ataque, Romário no meio campo. Isso parece estar se definindo para montar uma primeira equipe. Foi possível verificar a preferência por um atacante e um volante. O esquema preferido foi o 4-2-3-1.

O jogador Marcos Vinícius falou dessa função a ser exercida na equipe. “O jogador gosta do contato com a bola e não deixa de trabalhar a parte física. O treinador conversa muito conosco e já passou o estilo de jogo dele. Hoje se usa muito essa formação e fica um pouco isolado na frente, acaba ficando isolado na frente na hora da marcação, mas no ataque vai ter sempre gente chegando, prefiro ficar sempre próximo da área, local bom para fazer gols. É a primeira vez no Campeonato Mineiro, tive uns dois meses no Ipatinga, é um campeonato de grandes clubes e uma oportunidade muito grande. A torcida pode esperar vontade à cima de tudo e gols, atacante tem que ser cobrado e precisa ser assim”, disse o atacante.

Marcos Vinícius ainda contou ter sido muito bem recebido na cidade e no clube. “Estamos em uma parte mais física, não pensei ainda no local onde vou comemorar os gols. É bom saber os atalhos, porque vai dar tudo certo para o Guarani”, falou.

A integração de quatro atletas do sub-17 ao elenco profissional. O zagueiro Michael Bruno, o volante Felipe Nascimento, o lateral Felipe Alexandre e o meia Jonas Marques farão parte da equipe para a temporada 2016.

Após disputarem a taça BH e serem campeões da Copa Super Craque jogando pela base do Bugre, os garotos ganham oportunidade de vivenciar o dia-a-dia de um elenco profissional. "Temos que ter paciência com essa transição. Os meninos, e também a família, precisam entender que esse é um momento de preparação e ganho de conhecimento. Os seis meses de trabalho junto à comissão do Sub-17 deram a eles uma condição de estarem aqui, mas agora o ritmo é outro e essa integração vai ajudá-los a entender melhor o que o futebol de hoje exige de um jogador profissional. São atletas que ainda têm três anos para atuar na categoria júnior, até por isso, precisamos ter o cuidado de não pular etapas na formação deles", comenta o vice-presidente, Vinicius Morais.


Jogador Fabrício treina no Farião, mas ninguém confirmou se irá defender o Bugre no Campeonato Mineiro 2016

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.