quarta-feira, 22 de Maio de 2013 06:04h Luciano Eurides

Guarani desiste de vaga na série D e busca unir forças para 2014

O Guarani de Divinópolis desistiu da disputa do Campeonato Brasileiro da Série D após se reunir com a prefeitura.

O Guarani de Divinópolis desistiu da disputa do Campeonato Brasileiro da Série D após se reunir com a prefeitura. Segundo informações da assessoria de imprensa do executivo municipal, os dirigentes apresentaram os desafios e as dificuldades que poderiam se enfrentadas pelo Bugre para entrar na disputa, até mesmo do Campeonato Mineiro do ano que vem. A diretoria tem buscado apoio das forças políticas do município para reerguer o time. A falta de um estádio para treinar e garantir que o grupo jogue em casa preocupa o novo presidente Gilson Morais.

Além do diretor e do prefeito, participaram da reunião o secretário municipal de Esportes, Rômulo Duarte, o gerente de futebol, Renato Montak, o diretor jurídico Alésio Salomé, o assessor administrativo Vinicius Morais e o treinador Leston Júnior. Vladimir Azevedo abriu a reunião destacando todas as ações de apoio ao Guarani durante o seu mandato, sobretudo, viabilizando parceiros. Os participantes lamentaram a falta de documentação necessária para estabelecer convênio com o poder público.
Vladimir Azevedo propôs entendimento e parceria para reestruturar o clube.

“Eu acredito que a interação do Guarani com os nossos projetos podem ajudar o futebol de base. Nossas escolinhas nos bairros podem ganhar muito, além de revelarmos novos talentos. Vamos trabalhar por um desdobramento positivo deste encontro. Quem me conhece, sabe da paixão que tenho pelo Guarani, pois além de ter jogado no juvenil, isto remete a toda minha infância, quando, com meu pai, assistia aos jogos no Farião”,  pontuou Azevedo.

O desejo do presidente do clube, Gilson Morais, é trabalhar em conjunto com o prefeito Vladimir e autoridades locais. “Nós agradecemos o prefeito pela receptividade e sinceridade com toda a nossa equipe. Já iniciamos os trabalhos para a temporada de 2014 e esperamos contar com o apoio do senhor prefeito e do cidadão Vladimir”, destacou o presidente.

O prefeito propôs uma reunião a curto prazo com os deputados eleitos por Divinópolis, Domingos  Sávio, Jaiminho Martins e Fabiano Tolentino, para discutir melhorias no estádio Valdemar Teixeira de Faria ou construção de um novo estádio. A iniciativa busca viabilizar a Certidão Negativa de Dédito (CND) do clube para receber recursos.

DOMINGOS SÁVIO

O deputado federal Domingos Sávio se reuniu com o secretário de Estado de Esportes e Juventude, Eros Biondini, quando solicitou recursos para obras de reforma e melhorias no estádio Waldemar Teixeira de Faria, o Farião, do Guarani de Divinópolis. Na oportunidade, o parlamentar relembrou ao secretário que o governador Anastasia já havia se comprometido com ele em liberar recursos para ajudar o Guarani a recuperar o estádio, com o propósito de evitar que no próximo ano se repita o impedimento da utilização do estádio em razão de o mesmo não se encontrar em condições de abrigar jogos, como se deu em 2013.

O deputado destacou ao secretário que o Guarani é um dos mais tradicionais times de Minas Gerais. “Relembramos ao secretário que o Bugre é uma paixão da torcida divinopolitana, sendo, portanto imprescindível o apoio do Governo do Estado, já que o Clube enfrenta dificuldades como todo clube do interior”, afirmou Domingos Sávio.

O secretário informou que o governador já havia manifestado o desejo de ajudar o time divinopolitano, e assumiu o compromisso com o deputado Domingos Sávio de liberar recursos na Ordem de R$ 300 mil para obras de melhorias no Farião. “Recebemos essa boa notícia e assumo também o compromisso de tentar conseguir mais recursos com a prefeitura e também recursos federais para que possamos adequar o nosso estádio, de forma que Divinópolis volte a sediar jogos e eventos importantes para a alegria da torcida do Bugre e de toda a população”, disse o parlamentar.

Domingos Sávio explicou ainda que os recursos anunciados ajudarão a vencer um problema que ia além dos interesses da torcida. “Todos sabem que sou torcedor do nosso Guarani e sempre procurei ajudar. Mas agora não é só uma questão de ser torcedor. É o nome de Divinópolis que está em jogo”, disse Domingos Sávio. “Não podemos deixar uma cidade polo como Divinópolis ficar sem um espaço para jogos e eventos, como sempre foi o nosso Farião. Além de servir ao Guarani Esporte Clube, ali já ocorreram shows e eventos importantes e com uma boa reforma acredito que trará ainda muita alegria ao nosso povo”.

Para o deputado, a obra ajudará a lidar com o problema em um curto prazo, mas é o primeiro passo para outras iniciativas. “Para o futuro, acho que temos que pensar em um novo estádio, em um local mais apropriado e que possa receber ampliações, coisa que fica difícil no Farião”, explicou. “Porém, no curto prazo, entendo que a solução é reformar e melhorar o estádio, que é melhor do que muitos que sediaram jogos do Campeonato Mineiro deste ano”.
O parlamentar disse ainda que vai se reunir o mais breve possível com o novo presidente do Guarani, Gilson Morais, para tratar da liberação dos recursos.

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.