sábado, 28 de Julho de 2012 10:07h Luciano Eurides

Guarani e Nacional se enfrentam hoje no Farião

O Guarani joga hoje 15h30min, no Farião contra o Nacional, fazendo o clássico mineiro dentro da série D do Campeonato Brasileiro. O time encerrou a preparação na manhã de sexta-feira.

O Guarani joga hoje 15h30min, no Farião contra o Nacional, fazendo o clássico mineiro dentro da série D do Campeonato Brasileiro. O time encerrou a preparação na manhã de sexta-feira.

 


O técnico Gian Rodrigues faz mistério por qual equipe jogará, fala em atletas que saíram do treinamento de quinta-feira sentido dores. “Tudo quase pronto, temos tempo ainda para definir as duvidas. Dois jogadores saíram sentindo uma pancada: Carlinhos e Roberto. Situação do jogo onde precisamos vencer. De repente pode haver uma mudança tática. No jogo em Nova Serrana, foi um jogo competitivo e qualidade técnica grande. Jogo que é clássico é muita luta. A motivação tem de ser pelo jogo onde nos coloca em uma zona de classificação, é o grande passo para dar continuidade para classificar. Essa é a modificação maior”, disse.
Robertinho, Carlinhos e Cadu, atletas que o treinador citou com dores musculares, participaram normalmente do recreativo, sendo assim por ordem médica não deverá haver substituição na equipe.

 


O Nacional, também esconde a escalação, fecha as portas do estádio para os treinamentos e recebeu de volta o jogador Marcinho que estava no Ipatinga. Eke acertou com o Nacional até o término do Campeonato Mineiro do próximo ano. Marcinho é o grande xodó da torcida do Búfalo, o jogador ajudou a levar o time à primeira divisão do Campeonato Mineiro.

 


De volta ao clube, o jogador ainda não sabe se poderá entrar em campo sábado, contra o Guarani, em Divinópolis, pela quinta rodada do Campeonato Brasileiro da série D. Marcinho depende de sua regularização junto a CBF para poder reestrear com a camisa do Nacional.

 


Marcinho já treinou normalmente com o grupo e precisará de mais alguns dias de trabalho para atuar os 90 minutos. Nesta quinta-feira, Marcinho falou da satisfação de retornar ao Nacional. “Estou muito feliz de voltar ao Nacional. Aqui eu fico a vontade e gosto de vestir essa camisa. Espero ficar à disposição do professor o mais rápido possível para ajudar o time a conquistar seus objetivos”, disse.

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.