terça-feira, 3 de Fevereiro de 2015 10:58h Atualizado em 3 de Fevereiro de 2015 às 11:09h. Luciano Eurides

Guarani empata frente ao América na estreia do Campeonato Mineiro

O Guarani jogou e empatou em 0 a 0 com o América na primeira rodada do Campeonato Mineiro

Um jogo em que o time de Belo Horizonte foi melhor na primeira etapa e o divinopolitano teve a oportunidade de conquistar os três pontos no segundo tempo. No final, o resultado foi justo pelo apresentado. O Guarani entra em campo no próximo domingo, às 16h, frente ao Villa Nova, em Nova Lima.
Um primeiro tempo em que o América dominou as ações, com a bola no chão o time do Coelho assustava a equipe divinopolitana e George contou com a trave para evitar o gol americano. A marcação do Coelho também era mais eficiente e evitava sustos. O Guarani somente conseguiu chegar com clareza no final da primeira etapa.
No segundo tempo o Bugre voltou mudado, saiu Marcinho e entrou Walterson e colocou fogo no jogo. Logo no primeiro lance dele, já partiu para cima dos zagueiros, mas o Guarani continuava com dificuldades de chegar com clareza ao gol, usava assim as bolas paradas. Em uma delas achou Iago, mas houve um leve desvio na zaga, o suficiente para tirar a perfeição no chute. O América na segunda etapa não assustou tanto o goleiro divinopolitano.
Na soma foi um bom resultado para o Guarani, a conquista de um ponto diante de um dos grandes do futebol mineiro. Os jogadores queriam mais. Walterson por exemplo acha ser dois pontos perdidos dentro de casa. “Muita marcação por ser o primeiro jogo, entrei para tentar colocar velocidade e chegar ao gol, só faltou concluir mais em gol, o jogo não estava tão difícil. Um pouco de cansaço no final do jogo, nas circunstâncias do jogo e pelo que lutamos foram dois pontos perdidos e buscamos até o final, mas não conseguimos a vitória”, falou o jogador.
O atleta Iago, lateral esquerdo, deixou o campo aos 37 do segundo tempo, até se pensava em contusão e o jogador aliviou a torcida ao informar serem apenas câimbras. “Foi somente ansiedade, queríamos uma boa estreia e ajudar o Guarani e me deu câimbra e não consegui mais. Tentei até o último momento. Descansar e conversar muito sobre o que erramos e no próximo jogo conquistar a vitória. Foram dois pontos perdidos em casa, não se pode perder esses pontos nem mesmo diante do América. A filosofia de trabalho é o título e para isso não pode se perder pontos, não é um resultado ruim, mas queríamos a vitória.”
O atacante Fábio Júnior não conseguiu marcar na estreia do Campeonato e para ele faltou a bola chegar com mais qualidade na frente. “Faltou um pouquinho, mas vamos melhorar”, falou. O treinador Gian Rodrigues considerou o adversário. “O grupo está de parabéns pelo que foi feito hoje. Intensidade alta, entrega e um time competitivo e melhorar um pouco a chegada ao ataque. Toda bola que minha equipe chegava, o Thiago Santos, Leandro Guerreiro  e Anderson Conceição chegavam por trás fazendo a falta. Foi minando. Isso dificultou um pouco”, alegou.
Para o goleiro George, foi um bom resultado, tendo em vista um adversário de trabalho anual. “Tem de valorizar o ponto conquistado, o América é um time da série B do Brasileiro, um grande investimento e tradição. Nossa equipe mostrou que não deve nada para ninguém, vamos chegar bem no campeonato. Moral, tivemos chance de gol e podíamos sair com a vitória e esperamos grandes coisas nesse campeonato e bem diferente do ano passado. Foi muito bom ver o campo cheio e contamos com essa presença em todos os jogos, essa torcida faz uma pressão gostosa que nos incentiva e faz a gente correr atrás da bola. Temos uma equipe experiente e isso vai nos ajudar, estamos preparados para jogar dentro e fora de casa”, declarou o goleiro.

América
O treinador Givanildo Oliveira avaliou a equipe dele em dois momentos distintos, o primeiro tempo em que deveriam ter matado o jogo e o segundo tempo em que foi vista a reformulação. “Um desempenho bom, principalmente no primeiro tempo onde deveríamos ter matado o jogo, pelo volume do jogo. Teve muito bom porque não perdemos o jogo, tínhamos tudo para ganhar, mas não perdemos também, ficou de bom tamanho. Faltou no primeiro tempo apenas o gol. Tem a melhorar, especialmente a parte de condição física, o sol forte, alguns jogadores com câimbras e indiferente de tudo isso tínhamos de matar o jogo no primeiro tempo onde tivemos um volume de jogo muito bom”, garantiu.

Velho conhecido
Bruno Sávio da Silva, de Igaratinga, 20 anos e com passagem pelo Guarani, no ano de 2010, fez a estreia dele no profissional, no mesmo campo onde tudo começou. Naquela época Bruninho chegou de ônibus com o sonho de ser um atleta profissional. “Fiz minha estreia em jogo profissional em uma partida oficial e sendo aqui no Guarani, onde tenho um carinho muito grande, foi o primeiro clube que joguei, disputei o juvenil de 2010, é um prazer enorme jogar aqui e rever essa torcida maravilhosa”, falou ele. Com relação ao nome, foi adotado Sávio pelo excesso de Brunos existente no Coelho.

Torcida
A torcida do Guarani lotou as arquibancadas do Farião. As organizadas Red Bugre e Guaragolo também fizeram a parte delas colorindo o estádio. A Guaragolo comemora 26 anos de torcida, fundada e até hoje estabelecida no bairro Porto Velho, onde está o estádio Waldemar Teixeira de Faria, os integrantes cantaram todo o tempo e deram um colorido especial.

Outros resultados
O destaque da rodada foi a Caldense, que aplicou a primeira goleada diante do Mamoré, no Ronaldão, por 6 a 1. Com o placar elástico, o time de Poços de Caldas assumiu a ponta da classificação pelo critério de desempate, já que Atlético, Cruzeiro, U.R.T e Villa Nova também venceram.
O atual campeão mineiro e brasileiro, Cruzeiro, estreou vencendo o Democrata, de virada, em Governador Valadares. O time local saiu na frente com um belo gol de Rodrigão, mas a equipe comandada por Marcelo Oliveira buscou o resultado na segunda etapa e venceu por 2 a 1. Os gols da equipe azul estrelada foram marcados por Henrique e Joel.
Em Belo Horizonte, Atlético e Tupi fizeram um duelo de alvinegros e o clube da capital levou a melhor. Com gols de jogadores argentinos, Dátolo e Lucas Pratto, o Galo venceu por 2 a 0 e aparece na vice-liderança. O outro visitante a vencer esta tarde foi o Villa Nova. A equipe de Nova Lima foi a Tombos e venceu o Tombense, atual campeão brasileiro da Série D. Com gol de Gabriel Davis, o Leão do Bonfim começou com o pé direito o Estadual. Já o Tombense terá que se reabilitar, já na próxima rodada, jogando em Juiz de Fora, contra o Tupi.
A URT conseguiu seus primeiros pontos na competição diante do Boa Esporte. Nos minutos finais da partida, o time de Patos de Minas marcou o gol da vitória (2 a 1) e aparece no G4. O próximo compromisso será contra o América, amanhã.

 


RESULTADOS DA 1ª RODADA:
Atlético 2 a 0 Tupi
Caldense 6 a 1 Mamoré
Democrata 1 a 2 Cruzeiro
Guarani 0 a 0 América
Tombense 0 a 1 Villa Nova
URT 2 a 1 Boa Esporte

 

PRÓXIMA RODADA

2ª 04/02 22h América    X   U.R.T Independência Belo Horizonte
2ª 07/02 17h Mamoré    X   Atlético Bernardo R. Queiroz Patos de Minas
2ª 08/02 16h Villa Nova    X   Guarani Castor Cifuentes Nova Lima
2ª 08/02 17h Tupi    X   Tombense Mário Helênio Juiz de Fora
2ª 08/02 17h Cruzeiro    X   Caldense Mineirão Belo Horizonte
2ª 08/02 17h Boa    X   Democrata    Melão Varginha

 

Créditos: Luciano Eudires

Leia Também

Imagem principal

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.