sábado, 27 de Agosto de 2011 13:25h Atualizado em 27 de Agosto de 2011 às 13:25h. Luciano

Guarani encontra melhor futebol

O Guarani fez o segundo jogo treino em preparação para a Taça Minas Gerais de futebol. O adversário foi o União Luziense. A atividade, dividida em dois tempos, tendo o primeiro a equipe teoricamente titular. Na segunda parte houve várias modificações nas duas equipes. O placar final, 2x1 favorecendo o time visitante.


O treinador Gian Rodrigues escalou para a primeira parte do treino o time treinado na quinta-feira, apenas Daniel no gol em lugar de Tiago Régis que defendeu na segunda parte. O sistema defensivo com Guilherme Santos, Paulinho, Cleberson e Iago. O meio com Tiago Carvalho, Robertinho, André e Hernani. E no ataque Timóteo e Robert. O time foi bem, sem pontos negativos.


A equipe correspondeu as expectativas, fez a bola passar por todos os lados do campo. O Guarani venceu por 1x0, gol de Iago, ele foi à linha de fundo, tentou cruzar e a bola caiu dentro do gol. Sem querer, mas um bonito gol.
A bola foi trabalhada pela direita com Guilherme, fez jogadas pelo meio, em especial com a boa chegada de Iago. Timóteo só faltou acertar a pontaria, chegou bem e poderia ter ampliado o marcador.


Na equipe do União Luziense alguns jogadores conhecidos em Divinópolis. Jackson e Paulo César, Wágner lateral esquerdo que jogou no DEC e também Guarani, ainda Rodrigo Vítor, ex-Guarani. O atacante Adriano participou de apenas parte dos treinos.


Para o atacante Robert, que saiu sentindo a panturrilha, Douglas Cachorrão entrou no lugar dele, o time teve uma evolução se comparado ao desempenho demonstrado frente o Democrata de Sete Lagoas. “A equipe se portou bem, encaixamos o jogo e isso foi diferente da partida passada e a equipe suportou muito bem. Aos poucos entramos no esquema que o Gian quer e vamos procurar a cada dia mais evoluir e entrarmos forte na estreia contra o Nacional”, disse o atacante. Um dos detalhes a ser acertado e a aproximação meio e ataque. Robert alerta que com o tempo, o entrosamento e a comunicação dos jogadores isso acontece naturalmente. “Falta aquele último toque do meio para os atacantes chegarem completando a finalização, mas até a estreia iremos arrumar isso”, garantiu.


Na segunda parte dos trabalhos o União Luziense foi melhor, chegava com mais objetividade. Tiago Emílio foi derrubado na área pelo goleiro divinopolitano Tiago Régis, Adriano cobrou com perfeição e empatou a partida. Wágner foi pela esquerda, ganhou a bola na raça, tocou para trás e Evandro fez o gol da virada.


Os momentos finais da partida foram de modificação. Várias alterações de atletas e de posicionamentos, testes e avaliações a serem levadas em consideração pelos treinadores.  O Guarani chegou a ter três atacantes (Samuel, Cachorrão e Michel Clayton). Gian Rodrigues faz questão de gravar esses momentos e assistir posteriormente com todos os jogadores.
O Guarani estreia na Taça Minas Gerais dia 18, contra o Nacional, no Farião.

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.