sábado, 21 de Fevereiro de 2015 05:50h Atualizado em 21 de Fevereiro de 2015 às 05:54h.

Guarani entra em campo hoje na luta pela primeira vitória

O Guarani de Divinópolis treinou forte na manhã de sexta-feira. Ao contrário daquele treino descontraído que sempre antecede as viagens, o grupo fez um trabalho de finalização e jogadas ensaiadas

O treinador Gian Rodrigues repetiu à exaustão as cobranças de falta e escanteios. Ele posicionou o time mais de uma vez em um trabalho que teve como foco a finalização, mas a saída para os contra-ataques não foi esquecida. Cada falta ou cobrança de escanteio foi repetida pelo menos cinco vezes, somente então a bola rolava um pouco. A exigência é o acerto de cada jogada, com precisão milimétrica.
Durante toda a semana o atleta Vinícius Kiss esteve no grupo de titulares e há uma expectativa muito grande de que ele inicie o jogo. Da mesma forma, Carlos Renato. Ele fez a estreia contra o Cruzeiro e se fixou na equipe titular.
O treinador Gian Rodrigues não antecipa a escalação. “Pronto o time está, o futebol o importante é repetir e evoluir, ainda não escolhi o substituto de Djalma, a única dúvida é Djalma. Eles sabem disso e pode ser o substituto Walterson. Tem João Carlos e Vinícius Kiss. Vamos sentir o que está acontecendo do lado de lá e veremos qual a melhor situação”, disse e explicou a insistência nas jogadas de finalização.
“Nosso time tem chegado na frente, mantido uma posse de bola, criado situações, mas quero uma agressão e que seja ainda mais eficaz na hora de fazer os gols. Depende muito do posicionamento do adversário. Temos de evoluir, entendo que o jogo contra o Villa foi um jogo que tivemos uma situação e que a gente repita isso ou melhore”, garantiu o treinador.
Gian Rodrigues vê a vitória como essencial. “Sabemos ser início de uma competição curta e que a gente brigue no grupo de cima. Tivemos uma semana de muita informação, tem mais um vídeo que quero que eles assistam para terminarmos de acertar e vamos fazer o acabamento final na cidade de Poços de Caldas”, garantiu.
O jogador Djalma não treinou com o grupo. Segundo ele, após a partida contra o Cruzeiro foi diagnosticado um estiramento na posterior da coxa esquerda. “Estou tratando, tive uma evolução muito boa, mas infelizmente não é possível para este jogo e irei trabalhar muito para me recuperar e fazer toda fisioterapia e acelerar esse processo de recuperação para estar em campo contra o Atlético”, falou ele.
O provável Guarani para encarar a Caldense com George, Roger, Marx Ferraz, Thiago Papel e Carlos renato. Leandro Ferreira, Rafael Jataí, Vinícius Kiss e Michel Cury. Marcinho e Fábio Júnior. A delegação do Bugre jantou no hotel em Poços de Caldas. Hoje logo após o café da manhã, haverá uma palestra. Depois do almoço, saída para o estádio e a partida às 17h, no estádio Ronaldo Junqueira.

Arbitragem
Apita o jogo Wanderson Alves de Souza (CBF/FMF), auxiliado por Márcio Eustáquio Souza Santiago (CBF Especial 1) e Marcelo Francisco dos Reis (FMF). Quarto árbitro: Márcio Tavares da Silva (FMF) e quinto árbitro: Rogério Alexandre Barbosa (Liga Local).

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.