sexta-feira, 5 de Abril de 2013 05:25h Luciano Eurides

Guarani faz últimos acertos para encarar a Tombense

Na prática o treinador começa o jogo da mesma forma que terminou frente o Guarani e para isso fez alguns ajustes na marcação e posse de bola.

O Guarani faz hoje um treino recreativo, logo depois almoça e segue para a concentração. O esquema faz parte da preparação do time para o jogo na Arena do Calçado, amanhã (06), 17h contra a Tombense. Leston Júnior não contará com Éder, ele sofreu um estiramento na coxa direita, para o lugar dele Rafael Pulga foi convocado a titularidade.
Na prática o treinador começa o jogo da mesma forma que terminou frente o Guarani e para isso fez alguns ajustes na marcação e posse de bola. Dessa vez o treinador não fez mistério. “Não temos o Éder e a tendência normal é que entre o Pulga e isso se mantenha mesmo porque o nível do jogo e um treinamento de boa produção. Isso não dá confiança na equipe de se fazer um bom jogo. Nosso foco é a permanência na primeira divisão e precisamos dos três pontos. A Tombense é o time do interior que mais investiu e tem o melhor aproveitamento fora de casa”, disse.
Outros serão feitos por palestras e são detalhes que podem fazer a diferença, estes muitas vezes são feitos com diálogos e palestras. Rafael Estevam no jogo contra o Nacional teve uma forma especial de bater na bola, uma ordem do treinador que pode ou não ser repetida na partida de amanhã (06). “Para o jogo contra o Nacional foi pedido para se passar a bola no chão pela estatura da zaga do Nacional. Para o jogo contra a Tombense ainda não houve um pedido especial e vou procurar todas as informações”, avaliou e ainda despertou que há um planejamento em todas as ações. “Isso não se muda aleatoriamente, é alterado durante a semana e quando chega na hora do jogo fica mais fácil, não é esperado, mas nós estamos preparados para essa situação”, alertou.
Nando é um jogador essencial para a funcionalidade do meio, de boa marcação e saída rápida e de qualidade, ele sabe que o adversário é mais qualificado que os outros do interior mineiro. “A equipe da Tombense investiu muito, temos de procurar vencer e manter a forma de jogar, ter equilíbrio físico e técnico. A importância da vitória nesse jogo é onde podemos chegar, ficaremos bem próximos dos quatro primeiros colocados”, disse ele que lembrou da série D. “Se garante um ano inteiro de trabalho e queremos essa vaga”, garantiu.
Já Jouberth vai jogar a partida com a responsabilidade de pai. Nasceu o pequeno Miguel e ele está transbordando de alegria. “Miguel está bem, já dei um abraço, um beijo e agora é pensar no próximo jogo. Fiquei muito nervoso e ansioso e graças a Deus ele com saúde e eu com cara de sono. Ele parece com a mãe com traços meus e essa felicidade quero colocá-la em campo”, garantiu.

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.