sexta-feira, 7 de Fevereiro de 2014 03:57h Luciano Eurides

Guarani vai a Muriaé enfrentar o Nacional e se consolidar no Campeonato Mineiro

O Campeonato Mineiro de 2014 é uma verdadeira maratona de jogos. O time ainda nem descansou do jogo contra o Minas Boca e já encara dez horas de viagem onde vai enfrentar o Nacional em Muriaé, jogo este que é importante para se atingir os sete pontos

O Campeonato Mineiro de 2014 é uma verdadeira maratona de jogos. O time ainda nem descansou do jogo contra o Minas Boca e já encara dez horas de viagem onde vai enfrentar o Nacional em Muriaé, jogo este que é importante para se atingir os sete pontos e também empurrar o Nacional para o rebaixamento.
O Guarani soma quatro pontos. Segundo o regulamento duas equipes serão encaminhadas ao módulo II. Ao vencer os adversários com menor número de pontos além de ganhar posições, com a vitória sobre o Minas o Bugre deixou a nona colocação e foi para quinto lugar, ainda se empurra para baixo os concorrentes diretos e isso pode fazer uma grande diferença nas últimas rodadas.
Na partida contra o Minas o treinador Leston Júnior assistiu a algumas afirmações. A primeira delas é o atacante Tito. Depois de um bom jogo contra o Vila Nova em Nova Lima, especialmente no primeiro tempo, foi no Farião que ele conquistou a torcida, foi aplaudido na saída e comentou que dessa vez ele teve a oportunidade de mostrar o futebol dele. “Estava esperando esse momento de mostrar aqui dentro de casa, diante da torcida, na estreia não deu, mas o goleiro ainda foi melhor que eu, fui para cima, sofri pênalti e contei com meus companheiros para marcarem os gols”, falou.
O lateral Iago, jogador divinopolitano que sempre foi uma aposta do Bugre, se tornou uma realidade. Marcou, roubou bolas, criou jogadas, fez linha de fundo e gol. O garoto cresceu, ocupou o espaço dele. “Comemorei, sabíamos da importância desse jogo e da torcida que cinco horas da tarde veio nos apoiar e conferiu o resultado muito importante para o restante do campeonato”, falou.
O treinador Leston Júnior falou sobre a maratona de jogos e ainda comentou a vitória sobre o Minas. “Tivemos a felicidade de fazer os gols e conseguir uma vitória que para nós é muito importante. O Campeonato Mineiro não tem muito isso de jogo dentro e fora, aproveito para falar que conheço nossa cultura, sou da cidade, infelizmente a autoestima da instituição está baixa, vejo assim que as pessoas colocaram como se o Guarani perdesse para o Minas iria cair para a segunda divisão porque fará dois jogos fora. Futebol hoje os números provam que não é tão assim, quanto a jogos dentro e fora. Lógico, a atmosfera dentro de casa é diferente, terminar os dois jogos com bons resultados e na sequência vamos evoluir”, garantiu.
O número de gols perdidos pelo Bugre não é preocupação, garante o treinador. “A estatística mostra que se aproveita 20% das oportunidades criadas, ainda bem que este time cria muito, se não criar a situação de gol me preocuparia e nosso time tem muito a melhorar. Hoje temos ritmo, sequência de trabalho. O primeiro tempo a bola não entrou, no segundo os gols saíram. Conseguimos a frieza para fazer os gols e concretizar a vitória. Na verdade podemos melhorar sempre, contra o Vila Nova tivemos muita intensidade, e uma bola ou outra poderíamos definir e não correr riscos, vamos buscar uma segurança defensiva para não correr riscos”, avaliou.

 

RESULTADOS DA RODADA
Guarani        3   X 1       Minas Boca  
Cruzeiro        3   X 1       Villa Nova  
Caldense        2   X 0       Nacional   
U.R.T        1   X 0       Tupi  
Atlético        0   X 2       Tombense FC  

PROXIMA RODADA
08/02     17:00 Tupi             X         Atlético    Juiz de Fora
09/02     17:00 Tombense          X         Caldense    Tombos
09/02     17:00 Minas Boca             X         Boa    Sete Lagoas
09/02     17:00 Cruzeiro             X         América    Belo Horizonte
09/02     18:30 Nacional              X         Guarani    Muriaé
 

guarani, muriae, enfrentar, nacional, consolidar, campeonato, mineiro

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.