terça-feira, 11 de Outubro de 2011 18:32h Atualizado em 12 de Outubro de 2011 às 09:19h. Luciano Eurides

Guarani vê nos jogos contra o Itaúna a chance de voltar a zona de classificação

O Guarani iniciou os trabalhos visando os jogos decisivos para as pretensões de classificação na Taça Minas Gerais de futebol. Serão duas partidas contra o Itaúna, lanterna da competição, sendo uma no Municipal José Flavio e outra em Divinópolis. Os resultados positivos serão essenciais para uma reação alvirrubra.


Em uma avaliação geral o Guarani abriu bem a competição, venceu o Nacional de Nova Serrana, uma equipe com investimentos financeiros altos, depois não encontrou a vitória diante do Ipatinga e Villa Nova. Um empate em casa diante do Boa acabou sendo bom já que a equipe perdia. Com quatro pontos e fora da zona de classificação a única saída é vencer o Itaúna, último colocado e saltar para entre os primeiros. A novidade pode ser a entrada de Junior na lateral esquerda, a preocupação é com Thiago Régis, ele sente dores na coxa e promete garante voltar hoje aos treinos com bola.


O treinador Gian Rodrigues avaliou o trabalho diante da tabela estabelecida pela Federação Mineira de Futebol. “Pegamos primeiro o Nacional, equipe sem outra competição, como a gente, e foi uma vitória importantíssima. Depois foi uma sequencia com os times teoricamente mais fortes, e não estamos em uma hora competitiva ainda, na circunstância do jogo o empate foi bom, pegamos o Itaúna, equipe que ainda não venceu, tem de ser respeitado, mas temos de vencer esses dois jogos e ficaremos na zona de classificação. Faremos dois jogos fora, em uma situação mais competitiva e conhecendo mais os adversários”, analisou.


Com relação ao time do Guarani o treinador acredita na evolução gradativa. “Temos de saber o que temos feito, como chegamos aqui e temos um time com uma cara. Perdemos duas partidas onde poderia ter sido um resultado diferente”, garantiu e falou sobre a volta de Tiago Carvalho na equipe. “Ele é um jogador importante e temos de saber que estamos em uma competição onde há cartões e contusões. O Carvalho é bom jogador, chuta bem de fora da área, uma marcação boa e quanto mais puder jogar com o time titular, melhor. No jogo o Kiss entrou para dar velocidade no jogo, rouba bem a bola e sai com rapidez, ele machuca no primeiro lance”, comentou.


Uma boa noticia é a possível estreia de Junior na lateral da esquerda, local onde o Bugre tem encontrado problemas. “O Junior trabalha comigo desde 2001, já tivemos sucesso e agrega, sempre que trazemos um jogador desse nível, cresce o nível da equipe. A tendência é uma evolução sim”, disse. Já o volante Lima, não há previsão de estreia, a diretoria do Guarani esteve em Belo Horizonte, na Federação Mineira de Futebol na tentativa de regularizar a situação de Junior e Lima.

 

 

Thiago Régis


O goleiro sente dores na coxa e fez um treinamento diferenciado na terça-feira. Segundo o jogador não há problemas para a estreia. “Acredito que até o jogo estarei 100%, foi uma pancada na coxa, já iniciei o tratamento e tomei o remédio próprio. Ainda sinto algumas dores e amanhã (hoje) estarei de volta aos campos para domingo estar contra o Itaúna. Não foi nada sério não”, garantiu. Caso não se recupere, Matheus entra no gol frente o Itaúna.
 

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.