sexta-feira, 22 de Julho de 2011 16:51h Atualizado em 23 de Julho de 2011 às 08:58h. Luciano Eurides

Guarani volta a campo hoje pela Taça BH

O Guarani de Divinópolis volta a campo hoje pela Taça BH de Futebol Junior. O time estreou contra o Olaria e fez uma boa apresentação, se levado em conta o fato de ter jogado com um atleta a menos, o zagueiro Lucão foi expulso com três minutos de jogo. O placar de 2x0 para o time carioca foi conseguido depois de muita luta.


O principal lance da partida aconteceu logo aos três minutos de jogo. O defensor Lucão foi expulso depois de uma entrada forte sobre o atacante do Olaria. O time ficou com um jogador a menos e o treinador Gustavo Brancão ainda foi obrigado a substituir o atacante Davi pelo zagueiro Igor, perdendo assim uma referência no ataque divinopolitano. Com apenas sete minutos de jogo, uma jogada pelo lado direito do ataque do Olaria, a bola foi cruzada na área e João Paulo chegou livre para fazer o gol.
 

Com um jogador a menos, perdendo o jogo, mesmo assim o Guarani conseguiu equilibrar a partida e correu muito. Na segunda etapa o time lutou muito, teve oportunidades para fazer o gol de empate e cedeu espaços para o Olaria matar o jogo. Jéferson e Elias tiveram as melhores oportunidades para o Bugre. Nos dez minutos finais o goleiro Gustavo passou a salvar a equipe. O jogador Marcelinho Araxá tentou muito, em uma cobrança de falta ele levantou o estádio. Já nos acréscimos, depois de muito cansaço dos meninos do Guarani, o Olaria aumentou o placar com Gedeilson.
 

O goleiro Gustavo fez grandes defesas, o lateral da direita Rosquinha foi bem no primeiro tempo, mas na segunda etapa ficou somente na marcação. O zagueiro Carola fez excelente partida. Lucão expulso com três minutos de jogo prejudicou a equipe. Igor entrou no lugar dele e demorou um pouco a se adaptar, mas não comprometeu. Felipe atuou dentro da média e Sandro, entrou na ala da esquerda passava sem a bola e quando precisava aparecer, se inibia. Guilherme Braga teve excelente atuação. Caíque também teve uma atuação muito importante. Rodolfo Henrique iniciou a partida em um ritmo acelerado, fez o melhor, nas cobranças de bolas paradas sempre levou perigo ao gol adversário. Marcelinho é o jogador mais criativo do time e a qualquer minuto faz a diferença na partida. Davi, sem conceito, foi substituído por conta da expulsão do zagueiro. Pedrinho jogou bem e realmente as chances não foram tão claras para o arremate a gol. Ainda entraram Jeferson, Elias e Glauber.


O jogador Marcelinho Araxá falou da luta da equipe em campo. “Luta não faltou, gostei de ver nosso time. Aguerrido, formamos o time para a competição e valeu, vamos acertar e descansar bastante, estamos cansados. Jogamos com um a menos, ficamos com a bola e mandamos no jogo, foi importante. É bola para frente”, disse.
 

O treinador Gustavo Brancão depois de conversar com o grupo na tarde de ontem, faria um trabalho especial de recuperação com o elenco e terá de colocar o time em campo hoje, 15h30min. “Uma coisa que não esperávamos era a expulsão no início do jogo. Os meminos mostraram dedicação, dois erros e gols do Olaria. Gostei da obediência e doação deles. A expulsão deu um baixo astral. Descansar o físico e melhorar o psicológico para a partida frente o Atlético Paranaense”, declarou.

 

Internacional 2x0 Botafogo


O time do Rio Grande do Sul veio com uma equipe reforçada por atletas da equipe profissional e existe uma cobrança da diretoria pelo título da competição. Dominaram o Botafogo e com gols de Fred, o melhor em campo e Guilherme Noé, o time venceu e convenceu.

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.