sexta-feira, 19 de Agosto de 2011 11:36h Luciano Eurides

Guaravasco divide a liderança com o Cruzeiro

O Guarani / Vasco da Gama, uma parceria na disputa do Campeonato Mineiro Infantil, carinhosamente chamada de Guaravasco abriu a competição com vitória e está na liderança da competição ao lado do Cruzeiro. O time enfrenta nesse sábado, 14h30min, a equipe do Araguaia e vencendo empurra o adversário para mais longe da classificação e continua na luta pelas duas primeiras vagas ao hexagonal final.


O time entra em campo com todas as forças. Fora de campo a intensidade é ainda maior para se colocar em condições de jogo. O regulamento da competição exige a presença de uma ambulância com um paramédico. No Brasil não há uma concepção real do que seria esse profissional. De acordo com pesquisas, seriam os profissionais da área de socorro pré-hospitalar, ou seja, fazem parte de uma categoria profissional que lhes permite a aplicação de técnicas médicas geralmente em um ambiente extra-hospitalar. A categoria paramédica é formada por socorristas e técnicos de emergência médica de diversos níveis.
 

Para a cultura da América Latina e na língua portuguesa, o termo Paramédico significa um profissional da área da saúde que auxilia os serviços médicos, no entanto não pertence ao corpo médico. Portanto, técnicos em emergências médicas, enfermeiros, técnicos e fisioterapeutas, são paramédicos. Em outros países, a nomenclatura utilizada é Paramédico, e no Brasil também são conhecidos como Técnico em Emergências Médicas.
Dentro de campo o assunto é somar todas as forças e vencer a partida. O grupo treina no Campo do Vasco e de forma intensa na expectativa da segunda vitória consecutiva na disputa. Para o goleiro Gabriel é o momento do time se unir e ir em busca da vaga. “A ansiedade passou, deu tudo certo e esforçar mais para continuar tudo certo dentro do campeonato”, disse e acrescentou a possibilidade de reforços para a partida contra o Araguaia. “Soma muito, vem para ajudar e o grupo está ainda mais unido. Do Araguaia se conhece apenas alguns jogadores, é um jogo importante, a vitória nos coloca seis pontos a frente deles e tentar ganhar de todo jeito”, falou. O fato do time jogar em casa não deverá fazer muita diferença pois o time não treinou no Waldemar Teixeira de Faria. “Praticamente não conhecemos o campo e jogar lá é como jogar fora de casa, estranhamos completamente”, assegurou o capitão do Guaravasco.


O treinador Átila Júlio do Amaral, avaliou o pós-jogo e já pensa em uma equipe para sábado, 14h30min. “Um resultado muito bom, porém é manter o trabalho, jogadores sendo liberados pela Federação (Mineira de Futebol) e fazermos uma campanha boa no intuito de um resultado positivo. Sabemos pouco do adversário e vamos correr atrás. Eles perderam para o Cruzeiro, favorito a uma vaga, tem um trabalho diferenciado dos demais, o objetivo é de um bom jogo no Farião”, considerou.
 

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.