terça-feira, 17 de Julho de 2012 14:37h Luciano Eurides

Inhame é campeão rural 2012

A equipe do Inhame depois de sair perdendo o jogo, empatou e nos pênaltis brilhou a estrela do goleiro Anderson conquistando o título de campeão. O Córrego Falso, vice campeão desperdiçou as três penalidades que tinha direito.

A equipe do Inhame depois de sair perdendo o jogo, empatou e nos pênaltis brilhou a estrela do goleiro Anderson conquistando o título de campeão. O Córrego Falso, vice campeão desperdiçou as três penalidades que tinha direito.

 


O time do Córrego Falso abriu o placar aos 33 minutos de jogo, em uma bola cruzada na área Túlio deu um toquinho de calcanhar suficiente para tirar o goleiro. No segundo tempo, Digdal recebeu a bola e de cabeça tentou o gol, a bola foi na trave. Aos sete, foi a vez de Adilson entrar e chutar para a defesa do goleiro. Aos 17, bola colocada na área durante cobrança de falta, Abihan chegou emendando para o gol e empatou a partida. Como no primeiro jogo o placar foi 2x2, a decisão seguiu para as penalidades.

 


Nas cobranças, o Córrego Falso foi muito infeliz, Juninho cobrou e Anderson defendeu. Charles chutou a bola por cima e ainda Valdeci chutou para nova defesa de Anderson e a comemoração do título. Pablo Ferreira foi para a cobrança e marcou o gol da vitória do Inhame. O goleiro Anderson falou da importância do título. “O jogo foi bom, contei com a sorte e nos pênaltis pude fechar com chave de ouro, não apenas eu, mas a turma inteira, todos estão de parabéns. Desde o início do campeonato, estávamos em um nível bom. Nosso é na base da amizade, o Alessandro tem muita amizade e o time é bom e competitivo”, falou.

 


Quem chorou  muito foi o atacante Adilson Burro, ele é o único jogador que mora na comunidade do Inhame e para ele teve um sabor especial. “Acho que pelo que o Alessandro fez pela comunidade do Inhame, ao lado do Robson, acho muito gratificante, no ano que o Inhame foi campeão eu estava com o joelho operado e queria esse troféu jogando, por isso a emoção.
Tinha a certeza que ele iria pegar um pênalti, melhor, pegou dois”, comemorou.

 


Ainda foram oferecidas homenagens a Dedé do Córrego Falso, patrono da categoria aspirante, Toninho Ermida, patrono da categoria principal e Cleber Buglê, coordenador da Copa Rural. O troféu disciplina foi para Mata dos Coqueiros, o atleta disciplina escolhido foi Edgar Pereira e o atleta revelação Túlio Ferreira do Córrego Falso. Melhor goleiro Anderson do Inhame e artilheiro Abiahan, também do Inhame com dez gols.

Leia Também

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.