terça-feira, 17 de Janeiro de 2012 10:58h Luciano Eurides

Inter goleia e encara Jusa Fonseca pelo título da Supercopa dos Campeões

O Inter da Vila BH goleou na tarde de ontem o Padre Eustáquio por 4x0 e se colocou bem próximo do título de campeão da Supercopa promovida pela Rádio Divinópolis AM. Gustavo Laginha fez mais uma grande partida e a expectativa é de um grande jogo frente o Jusa Fonseca, onde será decido o primeiro campeão do futebol amador da cidade.
O Padre Eustáquio do bairro Planalto começou o jogo com apenas 10 jogadores. O Inter dominava o jogo, mas não soube aproveitar a condição de um homem a mais, Guilherme Rosquinha chegou e completou o time, mas o Inter continuava melhor no jogo. Robson e Naldinho revezavam grandes defesas. Uma síndrome de final de jogo, o time de Camilo Lélis sofreu gols no final da primeira e segunda etapa.
Aos 37, Lajinha no meio da pequena área mandou no ângulo do goleiro Robson fazendo 1x0. Dois minutos depois Douglas invadiu a defesa pela direita e chutou cruzado, a bola morreu no canto direito e fez 2x0.
No segundo tempo, o Padre Eustáquio veio com a iniciativa de marcar o gol, mas voltou a encontrar dificuldades. O time do Inter da Vila crescia na partida e já ganhava em posse de bola, volume de jogo e placar, ficando ainda mais difícil a vida do Padre Eustáquio. O atacante Gustavo Lajinha voltou a marcar, aos 35 da etapa complementar quando aproveitou o cruzamento e já nos segundos finais do jogo, Diferente marcou o quarto quanto chutou forte da intermediária e fez 4x0.
O jogador Poeta destacou a nova postura da equipe para a partida. “Assumimos a postura de ir a frente, entramos pela vitória para não dependermos do ultimo jogo, vamos esperar o meio de semana e observarmos o jogo do Jusa Fonseca. “A vitória será muito importante para nosso time para buscarmos o campeonato para nós”, disse.
O goleiro Robson ficou um pouco decepcionado com o time do Padre Eustáquio. “Futebol tem dessas coisas, pensamos em montar um time forte e competitivo, trazer jogadores de fora e eles não vem e mata os que vinham disputando, isso atrapalhou nossa equipe. É cabeça erguida para a próxima partida não fazer feio e quem sabe sair com uma vitória no próximo jogo”, lamentou.
O Inter da Vila jogou com Naldinho, Messias, Geraldão, Ronaldo, Marco Túlio, Romarinho, Zumbi, Michel, Poeta, Cachorrão e Lajinha.
O Padre Eustáquio de Robson, Reginaldo, Crânio, Figueroa, Walisson, Edgar, Biquinho, Caldense, Marquinho, Betinho e Guilherme Rosquinha.
Na outra partida da tarde de domingo Jusa Fonseca e Tupi de Carmo do Cajuru empataram em 1x1.
Com o resultado o Inter é o segundo colocado da competição com três pontos, uma vitória e quatro gols de salto, atrás do Jusa Fonseca que tem o mesmo número de pontos, uma vitória e cinco gols de saldo.

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.