sexta-feira, 17 de Agosto de 2012 16:31h Gazeta do Oeste

Ipatinga e Guaratinguetá em duelo direto contra a degola

 Depois de ser dado como virtual rebaixado, o Ipatinga iniciou uma reação na Série B do Campeonato Brasileiro. O time mineiro venceu os dois últimos jogos, contra Bragantino e Paraná Clube, e terá mais uma chance nesta sexta-feira de pontuar na competição nacional. O Tigre vai enfrentar o Guaratinguetá, novo lanterna do Brasileiro, em jogo marcado para as 21 horas (de Brasília), no Estádio Dário Rodrigues Leite, na cidade do interior paulista.

A reação do quadricolor começou quando o técnico Eugênio Souza assumiu o comando da equipe no lugar de Flávio Lopes, mudando o astral do Ipatinga. O treinador afirma que procurou trabalhar a parte de posicionamento e que conversou bastante com o elenco para que a equipe conseguisse retornar ao caminho das vitórias.

"No pouco tempo que tivemos, priorizei a parte tática e o diálogo com os jogadores, mas ainda temos muita coisa para acertar no clube. O Ipatinga ainda está tentando se reestruturar, inclusive, com a chegada de atletas, mas o primeiro passo já foi dado, que era acabar com a série de resultados ruins. Agora temos que continuar trabalhando para tirar o time da zona de rebaixamento", declarou.

Após sofrer cinco derrotas seguidas e cair para a lanterna do Brasileiro da Série B, a cúpula do Guaratinguetá decidiu demitir o técnico Pintado. Ainda sem um novo nome definido para ocupar o lugar de treinador, a Garça será comandada interinamente por Carlos Octávio, na partida contra o Ipatinga.

Os números nada animadores de Pintado no comando do time paulista foram decisivos para a demissão. O treinador conquistou 17% dos pontos disputados. Em 11 partidas, Pintado conquistou apenas uma vitória, três empates e sete derrotas. O Tricolor do Vale ocupa o último lugar na Série B com nove pontos, e precisa triunfar contra o Tigre, concorrente direto para fugir da zona de rebaixamento.

Um dos principais problemas da equipe é a escassez de gols. Nas 11 últimas partidas, os atacantes do Guaratinguetá só balançaram as redes em seis oportunidades, situação que preocupa a diretoria do clube, que apostou na contratação de Fabrício Carvalho para resolver a situação. O jogador, no entanto, ainda aprimora a forma física e não estreou pelo Guará.

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.