terça-feira, 24 de Abril de 2012 12:09h Luciano Eurides

Jogos acirrados e homenagem no EOC

O Campeonato Soçaite do Estrela do Oeste Clube (EOC) está cada vez mais acirrado. A Kéntron encontrou dificuldades e somente empatou com a Auto Escola Consoli garantindo chances para todos. A equipe da Gente & Música garantiu a média de gols ao vencer por 7x1. Foram quatro jogos, 21 gols marcados e uma média de 5,25 por partida.
A Kéntron abriu o placar com Leandro Hilário (Lelê) que ganhou a bola no meio, dominou, viu o espaço e se infiltrou para chutar forte e cruzado fazendo 1x0. No segundo tempo, aos seis minutos, Bernardo do meio campo acertou um lindo chute que foi no ângulo de André Chitão e empatou a partida.
Depois do gols de empate a Kéntron voltou a atacar e perdia muitos gols. Lelê voltou a campo para recolocar a o time a frente no marcador, depois de ótima jogada de Caio Japão ele tocou a bola, que já estava segundo a arbitragem dentro do gol e anotado para Caio Japão.
Os gols perdidos pela Kétron fariam falta, só não se esperava tão cedo viesse o castigo. Aos 29 minutos de jogo, bola na área da Kéntron, todos ficaram olhando Bernardo tocar de letra para empatar a partida. O time da Kéntron ainda tentou a vitória, mas atacando de forma desesperada. Placar final 2x2.
A Kentron enfrenta na próxima rodada Gente & Música, partida das 15h20min na Sede Campestre. Logo depois a Auto Escola Consoli, com a camisa do centenário de Divinópolis joga com a Masterçucar em jogo de muita importância em se tratando de classificação, valendo para as as duas equipes.

HOMENAGEM
O EOC através de Ricardo Thadeu, diretor de futebol do Clube fez uma homenagem a César Rios. O esportista Raimundo César Campos Rios passou pelas equipes do Recreativo, Flamengo e Guarani.  Com participações também no futebol de salão e no Campista fez história como treinador do Cosmos.
Thado falou da importância em homenageá-lo. “Eu tenho o maior prazer em prestar essa homenagem a ele, a família que aqui está jogando, do fundo do coração a este que é um baluarte do nosso esporte”, falou o diretor de futebol Thado.
O homenageado César Rios considerou importante a lembrança do nome dele. “Eu só ganhei com isso, as amizades e isso que é importante. Nunca fui lembrado pelo aquilo que dediquei e em uma hora dessa concluo não ser o número de homenagens  e sim a qualidade. Vindo do Thado só me trás satisfação e alegria”, falou.
 

Leia Também

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.