quinta-feira, 25 de Julho de 2013 06:43h Atualizado em 25 de Julho de 2013 às 07:47h. Divulgação Cruzeiro

Júlio Baptista é do Cruzeiro

A Diretoria cruzeirense anunciou na manhã da última quarta-feira a chegada de mais um reforço, trata-se do armador Júlio Baptista. O atleta rescindiu, no dia 19 de julho, o seu contrato com o Málaga-ESP, clube que defendia desde a temporada 2011, e assino

A Diretoria cruzeirense anunciou na manhã da última quarta-feira a chegada de mais um reforço, trata-se do armador Júlio Baptista. O atleta rescindiu, no dia 19 de julho, o seu contrato com o Málaga-ESP, clube que defendia desde a temporada 2011, e assinou, nesta quarta, contrato de dois anos com o Clube cinco estrelas.
Júlio Baptista é mais um grande reforço estrelado que chega ao Clube graças à contribuição feita pela China Azul por meio do programa Sócio do Futebol. O jogador desembarca em Belo Horizonte na sexta-feira e deve ser apresentado no próximo domingo, no clássico contra o Atlético-MG pela 9ª rodada do Campeonato Brasileiro.
Revelado pelo São Paulo, Júlio Baptista começou a sua carreira como volante. Após três anos no clube paulista, o jogador se transferiu para a Europa, onde deixou de ser um jogador de marcação para se tornar um implacável artilheiro.
O melhor momento de Júlio Baptista foi exatamente em seu primeiro clube europeu: o Sevilla-ESP. À serviço do time espanhol o jogador atuou em 71 partidas, marcou 43 gols e ganhou renome internacional. Posteriormente, “La Bestia”, como é chamado na Espanha, se transferiu para o Real Madrid, onde atuou ao lado de craques como Ronaldo, Raúl e Zidane e conquistou o Campeonato Espanhol de 2008.
Além da transferência para o time merengue, o bom rendimento no Sevilla-ESP  garantiu à Júlio Baptista um lugar na Seleção Brasileira e vários títulos com a amarelinha. Pelo Brasil, o meio-campista se sagrou campeão da Copa das Confederações de 2005 e 2009, e conquistou também a Copa América em 2004 e 2007. Júlio também fez parte do seleto time brasileiro que disputou a Copa do Mundo de 2010.
No total, o meia disputou 58 jogos pela Seleção e fez seis gols. Vale lembrar que no título da Copa América de 2007, Júlio Baptista marcou o primeiro gol do Brasil na grande final contra a Argentina, que terminou com vitória brasileira por 3 a 0.
Na última temporada, Júlio Baptista atuou pelo Málaga-ESP. Além da equipe da Andaluzia, o armador também defendeu as cores de outras potências do futebol europeu como Arsenal-ING e Roma-ITA.
Segundo Júlio Baptista vários motivos o influenciaram a optar pelo Cruzeiro, mas o principal deles foi o projeto apresentado pela diretoria cruzeirense. “A proposta do Cruzeiro envolveu muitas coisas, tanto na parte de campo como de fora. O projeto que me foi apresentado, com uma meta importante para o Clube, me fez ter vontade de fazer parte desse. O Campeonato Brasileiro é muito competitivo, está mais organizado e isso também agregou para eu aceitar a proposta”, ressaltou o meia que deve desembarcar em Belo Horizonte na sexta-feira.

A apresentação de “La Bestia”, como ficou conhecido Júlio Baptista, deve ocorrer no próximo domingo, no clássico contra o Atlético-MG, no Mineirão, pela 9ª rodada do Brasileirão.

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.