quinta-feira, 16 de Abril de 2015 10:46h Atualizado em 16 de Abril de 2015 às 10:48h.

Juniores do Araxá Esporte perde para o América no Lanna Drumont

O Araxá Esporte foi derrotado pelo América Mineiro por 2 a 1 em partida válida pela segunda rodada do Campeonato Mineiro de Júnior

O jogo disputado no CT Lanna Drumont, em Belo Horizonte, no último sábado, teve uma arbitragem polêmica que foi alvo de muitas reclamações por parte da equipe alvinegra.
O Gansinho saiu na frente do marcador fazendo 1 a 0 aos 23 minutos do primeiro tempo com Vinicius cobrando falta. As reclamações em relação à atuação do trio de arbitragem começaram ainda na etapa inicial, quando o atacante Lenon marcou o que seria o segundo gol do Araxá Esporte e foi mal anulado na opinião da comissão técnica do time de Araxá. O árbitro marcou toque de mão de Lenon ao dominar a bola.
O América chegou ao gol de empate aos 47 minutos através de uma penalidade máxima cobrada por José Ricardo. A reclamação neste lance é de que o tempo de acréscimo dado pelo árbitro já havia terminado antes da marcação do pênalti.
No segundo tempo, o Gansinho teve outro gol anulado. Desta vez na finalização de Max, em que a arbitragem marcou impedimento do atacante do Araxá Esporte, decisão que foi também muito contestada pelos araxaenses. O Coelho conseguiu virar o placar na segunda etapa com gol de Michel de falta aos 29 minutos.
Os atletas divinopolitanos Luis Felipe e Thales Alvim confirmaram as inúmeras reclamações acerca da arbitragem. Eles já vestiram a camisa do América e gostariam muito da vitória diante do ex-clube. A equipe ainda tem o comando técnico do também divinopolitano Gustavo Brancão.
O Araxá Esporte jogou com um jogador a menos praticamente todo o segundo tempo. O meio-campista Hugo foi expulso de campo aos 8 minutos da etapa final, depois de receber o segundo cartão amarelo e consequentemente o cartão vermelho. O próximo desafio do Gansinho será o Funorte neste sábado, às 10h, no Estádio Municipal Fausto Alvim.

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.