terça-feira, 17 de Maio de 2016 09:35h Atualizado em 17 de Maio de 2016 às 09:39h. Site Oficial do Cruzeiro

Lateral-esquerdo Bryan é apresentado e revela sonho realizado

O Cruzeiro apresentou de forma oficial, na manhã desta terça-feira, o lateral-esquerdo Bryan

O jogador foi adquirido junto ao América-MG e ficará no Maior de Minas por três temporadas. Presente na apresentação, o Diretor de Comunicação do Clube, Guilherme Mendes, informou que o Cruzeiro tem 75% dos direitos econômicos do atleta, enquanto o América ficou com 10% e o investidor com 15%.

O lateral-esquerdo, que jogou no Clube nas categorias de base, e que vestirá a camisa de número 17, falou sobre o retorno e a expectativa de voltar a jogar pelo Maior de Minas.

 

 

 

"Expectativa é a melhor de todas, já passei pelo Cruzeiro há 12 anos, a primeira vez que vim a Toca II foi para visitar o elenco principal. Pra mim é gratificante demais voltar. É um sonho, todo jogador sonha em estar em um Clube grande como o Cruzeiro. De contrato assinado, é reconhecimento do meu bom trabalho. Agora a expectativa é ganhar títulos, time grande como o Cruzeiro almeja sempre títulos, vou dar a minha vida em campo, sempre trabalhando forte. Espero poder fazer um gol logo na estreia", declarou o jogador.

Cobiçado por outras equipes do país, Bryan explicou que a escolha pelo Cruzeiro pesou o fato de conhecer a história do Clube e o que ele pode oferecer em sua trajetória com a camisa estrelada. O lateral também comentou sobre o desejo de chegar à seleção brasileira.

 

 

 

"A grandeza do Cruzeiro, já joguei aqui, sei de tudo que o Cruzeiro pode me oferecer e eu posso oferecer para o Cruzeiro. Time que briga por título, tem uma torcida muito grande, tudo isso motivou. Meu sonho é poder jogar pela seleção, eu sonho com isso, vou trabalhar muito para isso", disse o lateral. 

Bryan chegou ao Clube em um peródo de mudanças na comissão técnica. O treinador Paulo Bento foi apresentado na segunda-feira, apenas um dia antes da apresentação do lateral. Porém, Bryan conhece um pouco do novo comandante já que enquanto o atleta esteve em Portugal jogando pelo Benfica, Paulo Bento era o treinador da seleção portuguesa.  

 

 

 

"Quando estava em Portugal, ele estava na seleção, conheço um pouco, sei que a forma dele de trabalhar é diferente, quem vem na Europa é um estilo diferente, mas importante é trabalhar firme todos os dias. Primeiro pensamento é agarrar a ideia dele, o que ele passar para a gente é ser inteligente para agarrar a ideia e o time ir bem, fazer bons jogos. É a primeira experiência dele fora de Portugal, vai ter de entender a filosofia brasileira e a gente entender a dele. É agarrar a ideia dele, é agarrar o mais rápido possível a sua forma de trabalho, como gosta de jogar", finalizou.

© 2009-2016. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.