sexta-feira, 23 de Janeiro de 2015 12:03h

Lucas Silva e Everton Ribeiro de saída do Cruzeiro

Em negociação com o Real Madrid, o volante Lucas Silva saiu mais cedo do treino da manhã desta quinta-feira, na Toca da Raposa II. O fato aumentou as especulações sobre uma possível transferência do jogador para o clube espanhol

De acordo com a assessoria de comunicação do Cruzeiro, Lucas Silva foi liberado para fazer exames médicos complementares da pré-temporada em uma clínica fora do centro de treinamento. Nessa quarta-feira, o jornal espanhol Marca publicou que o Real Madrid já acertou a contratação do volante celeste.
O periódico ainda detalhou que o Lucas Silva assinará contrato por seis temporadas e meia e será apresentado na próxima semana no estádio Santiago Bernabéu. A diretoria do Cruzeiro nega que a transferência já tenha sido concretizada.
Após a saída de Ricardo Goulart para a China, o Cruzeiro pode perder o seu outro pilar do meio-campo para o futebol árabe. Eleito o melhor jogador do Campeonato Brasileiro em 2013 e 2014, Everton Ribeiro recebeu uma proposta salarial irrecusável e deve se transferir para um clube não revelado dos Emirados Árabes.
O gerente de futebol da Raposa, Valdir Barbosa, admitiu o desejo do meia em deixar a Toca. “Não há intenção de vender o jogador, o presidente já deixou claro. Ele quer reforçar a equipe para a Libertadores. Só que, às vezes, a coisa fica um pouco apertada, o jogador quer se transferir, a proposta é muito boa”, disse o dirigente em entrevista à rádio Itatiaia.
Everton Ribeiro teria recebido uma proposta de salário mensal superior a R$ 1 milhão, mas o valor oferecido ao clube celeste não agradou ao presidente Gilvan de Pinho Tavares. O dirigente confirmou que a primeira proposta, recusada prontamente, foi de 7 milhões de euros (cerca de R$ 21 milhões) por 60% dos direitos econômicos do atleta.
De acordo com Valdir Barbosa, o empresário Robson Ferreira, que cuida da carreira de Everton Ribeiro, e um representante italiano que representa o clube dos Emirados Árabes estiveram na Toca da Raposa II negociando a transferência do camisa 17. Mas ainda não houve acordo porque o Cruzeiro deseja que a proposta seja maior.
O dirigente não quis revelar qual é a pedida do clube para vender o meia. “Eles têm autonomia até um certo limite para fechar esse negócio. Só que não conseguem chegar aos valores que pretende o presidente Gilvan Tavares. Não morreram as negociações. Estão apenas paradas, momentaneamente, até que eles resolvam subir um pouco mais a proposta”, ressaltou.
Se a saída de Everton Ribeiro for concretizada, Valdir Barbosa garantiu que o Cruzeiro voltará ao mercado para buscar outro jogador para a posição. “Caso aconteça alguma coisa, o torcedor pode ficar tranquilo, porque reposição virá, assim como aconteceu no caso do Ricardo Goulart. Imediatamente, o Cruzeiro buscou o Arrascaeta. Caso haja um fechamento desse negócio do Cruzeiro com Emirados Árabes envolvendo o Everton Ribeiro, alguém virá com certeza”, assegurou.

Leia Também

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.