sexta-feira, 14 de Outubro de 2011 10:15h Atualizado em 14 de Outubro de 2011 às 10:26h. Dácio Fernandes

Mais uma polêmica do Gladiador

Kleber, mais uma vez causa polêmica em sua passagem por um clube brasileiro. Após sair do Cruzeiro, dizendo que não queria ser vendido e ser apresentado no Palmeiras com um discurso diferente, agora é definitivamente afastado do elenco alviverde.


A diretoria deu respaldo à decisão do técnico Felipão sobre o afastamento do atacante. Ontem pela manhã, no desembarque da delegação no aeroporto de Congonhas, o vice-presidente de futebol do Verdão, Roberto Frizzo, confirmou que o Gladiador não atuará mais pelo clube.

 

 

"Ele (Kleber) já não declarou que não deseja mais jogar pelo Palmeiras? Portanto, a partir deste momento, o Palmeiras também não tem mais interesse", afirmou o dirigente. "A declaração partiu dele, e o clube toma a mesma posição".

 

A crise entre Kleber e a cúpula palmeirense piorou depois da briga entre o volante João Vitor e torcedores, no fim da tarde de terça-feira. Pouco depois, naquela noite, o elenco se reuniu com diretoria e comissão técnica, quando o Gladiador discutiu com Felipão e Frizzo.

 

O atacante afirma que declarações do treinador colocavam a torcida contra os jogadores.

 

O problema é que Kleber tem contrato vigente com o Palmeiras, que precisará encontrar a saída do que fazer com o jogador. Além disso, o Cruzeiro ainda é dono também de uma parte dos direitos do atacante. O Flamengo já teve interesse pelo camisa 30 e volta agora a ser cotado como destino para o atleta.

Leia Também

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.