quarta-feira, 13 de Junho de 2012 15:37h Luciano Eurides

Mando de campo faz a diferença na Copa Rural

As equipes classificadas na Copa Rural 2012 entraram em campo com o objetivo de fazer o resultado e obter a vantagem na próxima rodada. Quem jogou em casa se deu bem. Os Costas com 100% de aproveitamento na primeira fase encontrou resistência no Choro e o empate sem gols deixa tudo em aberto para o jogo de volta.

 

Na Comunidade do Choro a Mata dos Coqueiros foi goleada pelos donos da casa. O placar de 3x0. O time da casa saiu na frente. Artur e Geovani fizeram os gols ainda no primeiro tempo. e ainda se deu o luxo de perder várias oportunidades de ampliar ainda no primeiro tempo. aos 23 minutos do segundo tempo Daninho aumentou para o time da casa que mantem a vantagem do empate para a segunda e decisiva partida.

 


Na categoria principal o empate sem gols entre Choro e Costas. O primeiro tempo foi de um jogo muito igual e um grande número de faltas. As chances mais claras foram no segundo tempo, embora as duas defesas estivessem sempre atentas. Para Poeta, jogador dos Costas o resultado não foi o esperado. “Com certeza, o campo não ajuda, é ondulado e vamos em casa, em busca da vitória. No primeiro tempo um queria mais que o outro. No segundo tempo começou a jogar bola e foi um jogo mais bonito. Temos de jogar futebol que sabemos e fazer os gols que precisamos”, disse. Para Raul, volante do Choro a decisão está em aberto. “Esse jogo mata-mata é muito difícil, tanto em casa quanto fora, qualquer um dos dois teve chance de ganhar. A arbitragem não interferiu no jogo e quanto a fazer o jogo no campo dos Costas ´podemos ir lá e vencer. Está tudo em aberto. O nosso time tem potencial e irá em busca da vitória”, considerou.

 

O time do Choro jogou com Zé Carlos, Pombo, Hebinho, Ronaldo, Wilsinho, Raul, Rodrigo, Motinha, Paulo, Daninho e Paulinho. O técnico é o Tufão. Já os Costas de Vinícius, Marquinho, Douglas, Juliano, Cristian, Jhonynho, Daniel, Mantena, Filipinho, Bruninho e Poeta. O técnico é o Coelho.

 

Na Comunidade do Córrego Falso, pela categoria aspirante, a Perobas venceu o Choro de Baixo por 1x0. Já na principal o Córrego Falso venceu 2x0 e poderá até mesmo perder na próxima rodada para a decisão ser nos pênaltis, um empate classifica o time de Camilo Léllis.

 

Em Santo Antônio dos Campos, no estádio João Belarmino Gomes, o campo do Campista, o Cacoco de Cima se deu bem. No aspirante, reforçados o time venceu o Quilombo por 3x1. No principal a vitória por 2x0 com Amadeu Lacerda foi um excelente resultado, já que equipe visitante foi muito bem colocada na fase de classificação.

 

Em Lopes, o experiente time do Inhame perdeu para Costas por 2x0. Já no principal, a equipe de Alessandro venceu por 4x0 o time da casa, embora o campo seja mando das duas equipes e provavelmente o jogo de volta seja também em Lopes.

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.