sexta-feira, 11 de Agosto de 2017 08:33h Thiago Madureira /Superesportes, Matheus Adler

Mano confirma estreia de zagueiro do Cruzeiro, mas descarta relacionar argentino

Digão será titular contra o São Paulo; Messidoro, por enquanto, fica de fora

O técnico Mano Menezes confirmou, em entrevista coletiva nesta sexta-feira, que vai relacionar o zagueiro Digão e o lateral-direito Ezequiel para a partida do Cruzeiro contra o São Paulo, às 11 horas deste domingo, no Morumbi, pela 20ª rodada do Campeonato Brasileiro. O técnico celeste mandará a campo um time alternativo, porque prefere poupar os titulares para o confronto de ida da semifinal da Copa do Brasil contra o Grêmio, na próxima quarta-feira, às 21h45, em Porto Alegre. 

Digão vai fazer a sua estreia pelo Cruzeiro. Ele foi contratado em julho depois de deixar o Al Sharjah, dos Emirados Árabes Unidos. O zagueiro estava apurando a forma física e, agora, passa a ficar à disposição de Mano, que não conta com Dedé e Manoel, ambos lesionados. “Digão apresentou bom desempenho e estará relacionado para o jogo de domingo”, cravou Mano Menezes.

Outra novidade no time será a volta de Ezequiel à lateral direita. Ele não joga desde o dia 2 de julho (derrota para o Atlético por 3 a 1, no Independência, pela 11ª rodada da Série A) por estar em tratamento de uma lesão aguda no púbis. “Está bem, está começando a readquirir seu condicionamento geral. Perdeu um bom tempo de trabalho com bola, mas é um jogador que não tem dificuldades de trabalhar com bola. Estará relacionado para domingo”, afirmou Mano. Hudson também retorna à equipe após se recuperar de uma lesão.

O time que treinou na quinta-feira teve Rafael; Ezequiel, Leo, Digão e Bryan; Hudson, Nonoca, Robinho e Alisson; Rafael Sobis e Sassá. Na segunda parte da atividade, Mano substituiu Hudson por Romero. 

“Será mais um jogo difícil, inicio do returno. Jogo com característica diferente. Pensamos em fazer um bom jogo, fazer um segundo turno melhor do que o primeiro. Estamos pensando em trabalhar com outras oportunidades. Vamos alternar os jogadores por questões óbvias. A sequência exige isso. Temos um jogo de semifinal na quarta que vem. Os jogadores vêm de um desgaste que temos que cuidar, já que exames diagnosticaram isso”, destacou Mano.
 

Messidoro


Cedido pelo Boca Juniors ao Cruzeiro até dezembro de 2018, o meio-campista Messidoro ainda não está nos planos do técnico Mano Menezes. O treinador disse que pretende conhecê-lo melhor, abrindo um canal de diálogo com o jogador.

“Ainda estamos conhecendo o jogador. Informações indicam que ele joga como meia avançado. Tão logo que a apresentação aconteça, vamos ter uma conversa, vou ouvir como ele se sente, vou dizer o que penso. Vamos criar uma relação mais profunda. Fazemos isso quando as coisas se oficializam”, disse o comandante celeste.

Mano afirmou que o argentino não será opção para a partida contra o São Paulo. “Vamos esperar uma condição de campo melhor do Messidoro, já que a oficialização demorou um pouco”, afirmou Mano.

Messidoro, de 20 anos, foi moeda de troca na transferência de Ramón Ábila para o Boca Juniors. Além de emprestar o meio-campista até dezembro de 2018, o clube argentino assumiu uma dívida de US$ 1,5 milhão do Cruzeiro com o Huracán. O valor era referente à segunda parcela da compra de 50% dos direitos econômicos de Ábila por parte do clube celeste.

Leia Também

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.