quarta-feira, 5 de Dezembro de 2012 05:21h Gazeta do Oeste

Marcelo Oliveira é o novo técnico do Cruzeiro

O Cruzeiro anunciou, nesta segunda-feira, que Marcelo Oliveira assumirá o comando da equipe. O acerto foi concluído em reunião com o presidente Gilvan de Pinho Tavares. Em meio a grande rejeição da torcida, o novo técnico terá um ano de contrato com o clube celeste.

 


O passado do treinador no maior rival cruzeirense é um dos motivos que causam maior rejeição junto à torcida azul. Marcelo foi a técnico atleticano por seis vezes e entre as décadas de 1970 e 1980, ele defendeu o time alvinegro por 14 temporadas. Depois de iniciar a carreira de treinador no Atlético, Marcelo Oliveira passou por outros cinco clubes: Ipatinga, CRB, Paraná, Coritiba e Vasco. Pelo Coxa, foi bicampeão paranaense em 2011 e 2012, além de ser vice-campeão da Copa do Brasil nas duas últimas edições. Marcelo tem ainda o título do Módulo II do Campeonato Mineiro de 2009, pelo Ipatinga.

 


Marcelo Oliveira começará os treinamentos no Cruzeiro a partir de 7 de janeiro, quando o elenco se reapresentará para a temporada 2013. A primeira partida oficial será um clássico contra o Atlético, em 3 de fevereiro, pelo Estadual.

 

A novela

 

O Cruzeiro fez o acerto com o treinador no início de novembro. No dia 14, o presidente Gilvan bancou a contratação de Marcelo, mesmo diante de pressões e ameaças de morte por parte da torcida. Na semana seguinte, o mandatário recuou e confessou que poderia rever a decisão.

 

Na ocasião, foi oferecido o técnico Jorge Fossati, atualmente no Cerro Porteño do Paraguai. Gilvan aprovou o nome e autorizou o empresário uruguaio Edgar Goulart a fazer contato com o agente do treinador Gabriel Morales. Fossati gostou muito da ideia de treinar o Cruzeiro, mas a conversa não foi adiante porque o clube celeste achou melhor não desfazer o acordo com Marcelo Oliveira.
 

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.