segunda-feira, 22 de Agosto de 2016 12:50h Atlético/MG

Marcelo Oliveira exalta “vitória fundamental”

“Foi uma vitória de fundamental importância na nossa caminhada”, afirmou o técnico Marcelo Oliveira em relação ao triunfo por 1 a 0 sobre o Atlético-Pr, neste domingo, em Belo Horizonte. Com o resultado positivo, o Galo reassumiu a vice-liderança do Brasileirão, com 38 pontos.

“Às vezes, vai ser com dificuldade mesmo porque o campeonato é assim para todo mundo. Tem que estar muito perseverante, convicto e comprometido com a luta e a entrega em determinados jogos”, destacou o treinador atleticano.

Marcelo Oliveira observou que a equipe teve muitas ações ofensivas, principalmente no primeiro tempo, mas desperdiçou as jogadas de contra-ataque.

“Essas ações acabaram não sendo oportunidades claras, mas tivemos maior posse de bola, lutamos contra um time muito bom e muito rápido. Eles colocaram três zagueiros e soltaram muito os laterais, que jogam muito bem e possuem poder ofensivo. Tentamos jogar muito pelos lados do campo, acho que foram 29 cruzamentos, mas sem o aproveitamento necessário. Ficou um jogo difícil, perigoso, porque a bola parada deles também é muito boa, e essa velocidade de contra-ataque. Mas temos que comemorar muito, a vitória nos dá uma condição boa, e discutir essas situações para fazer um jogo mais regular”, analisou.

“Acho que não precisava ter tanta dificuldade, sofrimento e drama por causa do coração do técnico. Mas isso faz parte do jogo, a gente estava firme ali, e mérito do Atlético-PR também, que montou um time de jogadores jovens, muito velozes e que deu muito trabalho. Em um campeonato de pontos corridos, isso é básico, é uma tese que a gente defende, fazer aproveitamento alto em casa e preparar muito para buscar bons resultados fora. O Atlético-PR, até agora, é um concorrente direto e fizemos um empate lá e uma vitória aqui. Isso é favorável, são quatro pontos e, assim, vamos construindo nosso caminho”, acrescentou Marcelo.

O comandante alvinegro concluiu falando da expectativa em relação à briga pelo título, ressaltando que é preciso evoluir.

“Realmente, o campeonato está afunilando. Temos mais três meses para fazer uma história bonita, construir algo importante e fazer um ano inesquecível, que seria ser campeão brasileiro depois de tanto anos. Mas é preciso ter alguns cuidados. Achei que o Atlético-PR chegou mais vezes do que poderia chegar. Era preciso ter mais consistência, não deixar chegar tão facilmente. Erramos também uma vez na bola parada, o jogador cabeceou sozinho. Temos que fazer, no contra-ataque, uma escolha melhor da jogada. Hoje, foi assim, mas esperamos que a gente possa fazer diferente, mais regular, embora todos os jogos daqui para frente sejam muito difíceis”, comentou Marcelo Oliveira.

© 2009-2016. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.