Marrony se redime, Atlético bate Sport, e Flamengo vence Inter assumindo a ponta do Brasileirão

Empate entre Corinthians e Vasco faz time carioca precisar tirar 13 gols de saldo pra ficar na Série A

21 FEV 2021

CARLOS HENRIQUE MONTEIRO

Em uma rodada quente às 16h do Campeonato Brasileiro, tivemos algumas definições. 

Em uma partida quentíssima na Ilha do Retiro, o Galo conseguiu vencer o Sport por 3 a 2. Jair, ex-jogador do Sport,  abriu o placar para os mineiros, Dalberto empatou para os pernambucanos ainda no primeiro tempo.

Na segunda etapa, em cruzamento de Arana, Rafael Thyere do Sport, marcou gol contra. Atlético 2x1. 

Jorge Sampaoli promoveu as entradas de Marrony, Franco e Vargas no time. Marrony foi o grande protagonista do segundo tempo. Ele acertou um tapa no rosto do lateral direito e ex atleticano Patric, e o árbitro após revisão no VAR marcou pênalti. Thiago Neves, de tantas polêmicas contra o Galo, bateu deslocando Everson, e empatou a partida para o Leão. 2x2. 

Era pra Marrony sair excomungado com a torcida do Galo, mas nos acréscimos da partida, em grande jogada individual, ele bateu no canto de Luan Polli, e fez o gol da vitória atleticana, que praticamente garantiu a equipe mineira entre os quatro primeiros colocados.

Sport 2 x 3 Atlético

 

Sport: Luan Polli; Patric, Adryelson, Rafael Thyere, Chico (Ewerton) e Júnior Tavares; Marcão (Luciano Juba), Ronaldo Henrique (Márcio Araújo), Thiago Neves e Marquinhos (Gustavo Oliveira); Dalberto (Pedrão). Técnico: Jair Ventura. 

 

Atlético: Everson; Guga, Réver, Junior Alonso e Guilherme Arana; Allan, Jair (Zaracho) e Calebe (Alan Franco); Savarino, Keno (Marrony) e Eduardo Sasha (Eduardo Vargas). Técnico: Jorge Sampaoli. 

Gols: Sport: Dalberto, aos 32min do 1ºT; Thiago Neves, aos 42min do 2ºT. Atlético: Jair, aos 6min do 1ºT; Rafael Thyere (contra), aos 4min do 2ºT; Marrony, aos 52min do 2ºT. 

 

Cartões amarelos: Ronaldo Henrique, Marcão, Dalberto, Gustavo Oliveira (Sport); Eduardo Sasha, Jorge Sampaoli, Guilherme Arana, Junior Alonso e Marrony (Atlético). 

Cartão vermelho: Jorge Sampaoli (Atlético). 

 

Motivo: 37ª rodada do Campeonato Brasileiro|

Data e horário: 21 de fevereiro de 2021 (domingo), às 16h

Local: Ilha do Retiro, no Recife

 

Árbitro: Rodolpho Toski (PR) 

Assistentes: Ivan Carlos (PR) e Victor Hugo Imazu (PR) 

VAR: Wagner Reway (PB)

 

Ao mesmo tempo na Arena Corinthians, Timão e Vasco empataram em 0 a 0. Com o resultado, os cariocas comandados por Vanderlei Luxemburgo precisam vencer o Goiás na rodada final, e tirar uma diferença de 13 gols de saldo  em relação ao Fortaleza , que joga fora de casa contra o Fluminense, para escapar do rebaixamento. 

Já na briga na parte de cima, Flamengo e Inter fizeram a final antecipada do Campeonato Brasileiro. Se os colorados  ganhassem, seriam campeões. Em caso de empate, bastaria vencer o Corinthians na última rodada, para ficar com o título.

Mas o Mengão ativou o modo 2019, e passou como um rolo compressor em cima dos gaúchos. Apesar do placar magro de 2 a 1, a equipe carioca teve dois gols de Pedro anulados. além da expulsão do lateral Rodinei por parte do Inter, que pertence ao Flamengo, e teve a multa de 1 milhão de reais paga por um torcedor do clube do Rio Grande do Sul. Ou seja , o torcedor pagou a multa para ver o jogador ser expulso e prejudicar o Inter nessa partida. 

Edenilson, cobrando penalidade, fez 1x0 Inter. Arrascaeta e Gabriel virara o jogo para o Rubro Negro. 

O Flamengo vai na última rodada ao Morumbi enfrentar o São Paulo, precisando somente da vitória para ser campeão pelo segundo ano consecutivo. 

Para o Inter, além de vencer o Corinthians em casa, tem que torcer para pelo menos um empate do Flamengo contra o Tricolor paulista, para levantar o caneco que não vem desde 1979.

© 2009-2021. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.