sexta-feira, 4 de Outubro de 2013 05:46h

Medalhista do pentatlo moderno nos Jogos Olímpicos de Londres recebe a Bolsa Atleta Pódio

Yane Marques, a pernambucana que conquistou a medalha de bronze no pentatlo moderno dos Jogos Olímpicos de Londres 2012, recebeu nesta quinta-feira (03.10) o certificado da Bolsa Atleta Pódio. A entrega do documento aconteceu no Complexo Esportivo de Deod

Yane Marques, a pernambucana que conquistou a medalha de bronze no pentatlo moderno dos Jogos Olímpicos de Londres 2012, recebeu nesta quinta-feira (03.10) o certificado da Bolsa Atleta Pódio. A entrega do documento aconteceu no Complexo Esportivo de Deodoro, no Rio de Janeiro, durante encontro com o ministro do Esporte, Aldo Rebelo, que visitou as instalações do Centro de Treinamento de Pentatlo Moderno naquele parque olímpico.

O ministro elogiou o desempenho de Yane, primeira pentatleta latino-americana medalhista olímpica, que continua com alto índice de aproveitamento em competições internacionais – no último mês de agosto, conquistou a medalha de prata no Campeonato Mundial, em Taiwan. Segundo Aldo Rebelo, a pernambucana é a prova de que não se deve subestimar o desejo brasileiro de ocupar lugar de destaque no quadro de medalhas nos Jogos do Rio 2016.

“Yane mostrou que, com planejamento e apoio financeiro, o talento dos nossos atletas se destaca. Vamos aprofundar essas parcerias com os atletas, as confederações, as empresas e as Forças Armadas, que têm experiência e competência. Cada vez que um atleta se destaca, principalmente em competições internacionais, muita gente se sente interessada e incentivada a participar”, afirmou o ministro.

O presidente da Confederação Brasileira de Pentatlo Moderno, Hélio Meirelles, destacou a importância do apoio do ministério, que repassou R$ 7,8 milhões em convênio com a entidade. “Assumimos uma enorme responsabilidade com o Ministério do Esporte e com a sociedade brasileira. É uma rara oportunidade para um esporte olímpico de visibilidade crescente desempenhar o papel de formar atletas de alto rendimento a partir de uma base formada por talentos em ascensão”, avaliou Meirelles.

Plano Brasil Medalhas
A Bolsa Atleta Pódio faz parte do Plano Brasil Medalhas, que foi criado pelo governo federal em setembro de 2012 e tem como objetivo colocar o país entre os dez primeiros colocados do quadro de medalhas nos Jogos Olímpicos do Rio e entre os cinco primeiros nos Jogos Paraolímpicos. Será investido R$ 1 bilhão até 2016 em 21 modalidades olímpicas e 15 paraolímpicas.

Fernando Guedes, do Rio de Janeiro
Foto: Fernando Guedes
Ascom – Ministério do Esporte
Acompanhe as notícias do Ministério do Esporte no Twitter e no Facebook

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.