quarta-feira, 28 de Janeiro de 2015 10:17h

Mena chega ao Cruzeiro

O lateral-esquerdo Eugenio Mena, até o fechamento dessa edição, estava em Belo Horizonte para realizar exames médicos e ser confirmado como reforço celeste

Chileno, Mena chega ao Cruzeiro para ocupar a vaga deixada por Egídio, negociado com o futebol ucraniano. O jogador deixou o Santos graças a uma liminar da Justiça do Trabalho, movida pelo atleta em razão dos atrasos de salários, FGTS e direitos de imagem.
O grupo Teisa detém 50% dos direitos econômicos do lateral e colaborou para o acordo entre o Chileno e o Cruzeiro. A diretoria do Cruzeiro corre para reforçar o elenco. Mena será o sétimo contratado para a atual temporada. Antes dele, a diretoria acertou com os atacantes Leandro Damião, Joel e Riascos, com o lateral-direito Fabiano, com o volante Seymour e com o meia De Arrascaeta. Por outro lado, perdeu os volantes Nilton e Lucas Silva, os meias Ricardo Goulart e Everton Ribeiro (negociados), além do zagueiro Dedé (contundido).
A diretoria busca um zagueiro e um meia. Companheiro de De Arrascaeta no Defensor-URU, o brasileiro Felipe Gedoz interessa. O jogador está no Brugge, da Bélgica. No entanto, os valores pedidos inicialmente (cerca de 7 milhões de euros) foram considerados elevados pela diretoria celeste.
Negociado com o futebol do Oriente Médio, o meia Everton Ribeiro embarcou na noite desta segunda-feira para a Inglaterra para realizar exames médicos antes de assinar contrato com o Al Ahli, dos Emirados Árabes Unidos. Como a transferência ainda não está 100% concluída, a diretoria do Cruzeiro ainda não oficializou a saída do jogador, o que deve ocorrer nos próximos dias.
Após fazer os exames médicos, Everton Ribeiro retornará a Belo Horizonte para se despedir dos companheiros na Toca da Raposa II. O armador ainda deverá aproveitar a oportunidade para conceder a última entrevista coletiva.
Pela negociação, o Cruzeiro receberá 9 milhões de euros (cerca de R$ 26 milhões) pelos 60% dos direitos econômicos que possui. Para se transferir para os Emirados Árabes, Everton Ribeiro aceitou uma proposta salarial de seria de R$ 1,1 milhão por mês e pediu ao presidente Gilvan de Pinho Tavares para deixar o clube.
No último domingo, o armador chegou a ser relacionado para o amistoso contra o Shakhtar Donetsk-UCR, em Brasília, mas foi cortado na última hora pela comissão técnica. Em dois anos de Cruzeiro, Everton Ribeiro disputou 116 jogos e marcou 24 gols. Além de ser eleito pela CBF o craque das duas últimas edições do Campeonato Brasileiro, o armador conquistou três títulos pela Raposa (Brasileirão 2013 e 2014, além do Campeonato Mineiro da temporada passada).

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.