terça-feira, 11 de Setembro de 2012 10:37h Gazeta do Oeste

Montillo cobra reação imediata do time: "não podemos perder mais pontos"

Depois de derrotas para Botafogo e Sport, o Cruzeiro volta a campo nesta quarta-feira, às 19h30, para enfrentar o Figueirense, em Florianópolis. Insatisfeito com a instabilidade da equipe no Campeonato Brasileiro, o meia Montillo cobrou reação imediata da equipe.

"Temos que tentar ganhar o jogo. O campeonato está irregular não apenas para o Cruzeiro, mas para muitos times que estão brigando para entrar ou permanecer no G-4. Sabemos que vai ser um jogo difícil, contra um time que está brigando para não cair, mas não podemos perder mais pontos", destacou o camisa 10.

Nas duas últimas rodadas, os tropeços quebraram a série de triunfos no returno e impediram que a equipe se aproximasse do G-4. O time comandado por Celso Roth segue com 34 pontos, na oitava colocação. Se vencer o Figueirense, o Cruzeiro ainda não voltará ao grupo de acesso para a Copa Libertadores nesta rodada, uma vez que o Vasco, quarto colocado do Brasileirão, soma 39 pontos.

O jogo em Florianópolis será o segundo de Montillo depois de se recuperar de lesão. Ele esteve afastado na vitória sobre o Náutico, por 3 a 0, e também na derrota para o Botafogo, por 2 a 1. No retorno diante do Sport, o camisa 10 avalia que não foi bem.

"A volta não foi a melhor. Sou o primeiro a me criticar. É difícil ficar parado, sem treinar com o grupo. Tentei voltar para ajudar o time, não foi uma partida boa da minha parte. O time começou ganhando, tivemos a chance de fazer mais um gol e não fizemos. Levamos um gol esquisito. Nosso time tem que melhorar muita coisa", analisou o meia argentino.

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.