sexta-feira, 28 de Setembro de 2012 11:40h Gazeta do Oeste

Montillo e Victorino são convocados

O meia argentino Walter Damián Montillo foi convocado pelo técnico Alejandro Sabella para a partida do próximo dia 3 de outubro (próxima quarta-feira), entre Argentina e Brasil, às 22h

O meia argentino Walter Damián Montillo foi convocado pelo técnico Alejandro Sabella para a partida do próximo dia 3 de outubro (próxima quarta-feira), entre Argentina e Brasil, às 22h, no estádio Centenario, na cidade de Resistencia, em território argentino. O Cruzeiro recebeu o comunicado da Associação de Futebol da Argentina (AFA) nesta quinta-feira.

 


Montillo seguirá no domingo para se apresentar ao técnico Alejandro Sabella. Os treinos terão início na segunda-feira. O retorno ao Brasil será no dia 4 de outubro (quinta-feira), dia seguinte ao duelo com a Seleção Brasileira.
Vale lembrar que Montillo foi convocado e ficou no banco de reservas na primeira partida do Superclássico das Américas, no último dia 19, no estádio Serra Dourada, em Goiânia-GO, e que terminou com vitória brasileira por 2 a 1.

 

O zagueiro uruguaio Mauricio Victorino foi convocado pelo técnico Oscar Tabarez para os jogos contra a Argentina, em Mendoza, no dia 12, e contra a Bolívia, quatro dias depois, em La Paz. Serão dois jogos fora de casa, pelas Eliminatórias Sul-Americanas da Copa do Mundo do Brasil. Em uma conversa com o Site Oficial do Cruzeiro, na tarde desta quinta-feira, o defensor falou sobre os dois compromissos pelo selecionado uruguaio e sobre mais uma convocação. “Graças a Deus, mais uma convocação. Estou feliz, muito contente por isso. Serão dois jogos importantíssimos para a classificação para a Copa do Mundo aqui do Brasil, contra Argentina e Bolívia, ambos fora de casa. Dois jogos muito difíceis. Todos nós sabemos do potencial que tem a Argentina, ainda mais jogando em casa. Também temos que levar em conta que ficaram com aquela situação de a gente (Uruguai) ter eliminado eles da Copa América, ganhamos a competição na casa deles. Então, eles vão vir com tudo para ganhar da gente. Depois, teremos a Bolívia, na altitude, e nunca é fácil jogar lá. Temos que tentar nos adaptar o mais rápido possível, pois, além da Bolívia, vamos enfrentar isso (altitude), o que torna as coisas ainda mais difíceis”, disse.

 

No período em que estará com a seleção de seu país, o defensor vai desfalcar o Cruzeiro contra a Portuguesa-SP, no dia 10 de outubro, e contra o Flamengo, no dia 13, em partidas válidas pela 29ª e 30ª rodada do Campeonato Brasileiro, respectivamente. A partida contra a Bolívia será no dia 16, e a Raposa entrará em campo para enfrentar o Corinthians no dia 17 (quarta-feira) ou 18 (quinta-feira).

 

Victorino contou ainda das conversas com o amigo Diego Forlán, companheiro de seleção uruguaia, e que será adversário neste sábado, na partida contra o Internacional-RS, às 18h30, no estádio Dilzon Melo, em Varginha-MG, pela 27ª rodada do Campeonato Brasileiro. “Quando estivemos na seleção, ele falava que ia marcar gol neste jogo, mas eu disse que não, que nós iríamos ganhar. A gente se fala durante a semana, ele fala que vai para Varginha e que vai ganhar da gente, mas tudo brincando. Ele é gente boa. No sábado vamos ver quem vai ganhar e vai poder zoar o outro (risos)”, comentou.

 


Perguntado sobre o próximo jogo do Cruzeiro, contra o Internacional, Victorino destacou a força do adversário, e disse que a equipe estrelada, com desfalques, precisa estar preparada e pronta para entrar em campo, fazer um bom jogo e conseguir a vitória, que será o mais importante neste momento. “Difícil. A gente ainda não sabe quem vai jogar aqui. Sabemos o potencial que o Internacional tem, eles estão com o time completo, enquanto nós temos muitos jogadores machucados. Mas nós temos que nos preparar e fazer o melhor jogo, para conseguir uma vitória em casa. São cinco jogos que a gente não consegue vencer, que não conseguimos os três pontos, então, no sábado sera uma boa oportunidade para a gente conseguir os três pontos”.

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.