quinta-feira, 26 de Janeiro de 2012 14:18h Luciano Eurides

Montillo se reúne com a diretoria do Cruzeiro

A diretoria do Cruzeiro se reuniu na tarde de ontem com o jogador Montillo e o representante dele. O encontro serviu para que as duas partes iniciassem entendimentos visando encontrar um caminho para a permanência do atleta na Toca da Raposa. Os dois lados da negociação consideraram a reunião bastante proveitosa. Participaram o presidente Gilvan de Pinho Tavares, o vice-presidente José Maria Fialho, o diretor de futebol Dimas Fonseca, o gerente Valdir Barbosa e o supervisor Benecy Queiroz, além de Montillo e do empresário Sérgio Irigoitia.
A permanência do meia argentino Walter Montillo na Toca da Raposa II já é certa. O novo enredo que deixa o jogador sob os holofotes da imprensa, desta vez, é o seu aumento salarial. E o jogador gostou da reunião que teve com a diretoria do Cruzeiro, nesta quarta-feira, na Toca da Raposa II, para tratar do reajuste.
O encontro serviu para o clube celeste mostrar um novo plano de salários e rendimentos para o jogador, por meio, principalmente, de investidores e projetos de marketing paralelos. Montillo ficou entusiasmado com o que foi oferecido pela diretoria, mas as conversas não estão encerradas. Haverá nova reunião na próxima semana, para novos acordos. “A ideia deles é procurar investidores, empresas que tenham vontade de colaborar com minha situação. A conversa foi boa, muito diferente da que tivemos semana passada. Agora vou falar com meu procurador e minha família para colocarmos tudo em acordo e termos final feliz. Foi a primeira conversa das melhores salariais, só isso. A conversa foi boa. Nos próximos dias, vou ligar para eles para a segunda conversa”, disse Montillo. “Tomara que isso chegue a um fim rapidamente, pois já estamos perto do Campeonato Mineiro e é bom começar os jogos com a situação já definida, um final nessa história que começou em novembro. A conversa de hoje foi boa e acho que vamos ter um final feliz”, completou.
Montillo reivindicou mais privacidade nas conversas para aumento de salário, embora o próprio jogador tenha pedido a valorização publicamente à diretoria, em uma entrevista coletiva. “Ainda não falamos em números concretos de salário. Tudo saiu na imprensa e não gostei. Acho que tem de ter privacidade. Ele (Gilvan de Pinho Tavares) falou da idéia da imagem do Montillo, acho que a próxima conversa vai ser mais concreta sobre salário. Essa conversa foi para começarmos a falar”, ratificou.

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.