terça-feira, 17 de Janeiro de 2012 10:35h

Na superliga Masculina, Minas derrota o Cruzeiro no clássico regional

Na reedição da final do Campeonato Mineiro, o Minas conseguiu sua revanche contra o Cruzeiro. Em partida acirrada nesta tarde em Contagem, a equipe minas-tenista superou o rival e, de virada, conseguiu sua terceira vitória consecutiva na Superliga Masculina. No último encontro entre as equipes, o Cruzeiro levou a melhor e conquistou o título mineiro ao por 3 sets a 1.

Com o resultado, o Minas chega aos 16 pontos, sobe para o quarto lugar e ultrapassa o Cruzeiro na tabela de classificação. Já a equipe celeste, com 15 pontos,  amarga sua segunda derrota seguida na Superliga.

Na próxima rodada, o Minas enfrenta o Sesi, na Arena Vivo, na próxima quarta-feira, às 19h30. Cruzeiro, em busca da reação, vai a São Paulo enfrentar o Vôlei Futuro, também na quarta, às 20h.

O jogo - Apesar dos erros de saque e ataque, o primeiro set foi marcado por muito equilíbrio e emoção. Ponto a ponto, Cruzeiro e Minas fizeram uma primeira etapa parelha. Nenhuma das equipes conseguia abrir mais de um ponto de vantagem.


Os visitantes pularam na frente no início, mas o Cruzeiro virou depois da primeira parada técnica. Após empate por 27 a 27, a equipe celeste deslanchou e, com ace de Acácio, fechou o primeiro set: 31 a 29.

Com ginásio lotado, o Cruzeiro voltou melhor para o segundo set. Incentivado por sua torcida, o time da casa mostrou superioridade em quadra, administrou vantagem de dois pontos e, sem muita dificuldade, fechou o segundo set: 25 a 22.

Reação do Minas

Querendo evitar outra derrota para o rival, o Minas entrou diferente no terceiro set. A equipe do técnico Marcelo Fronckowiak demonstrou força, errou pouco e conseguiu vencer por 25 a 17. Melhor em quadra, o Minas confirmou a reação, venceu o quarto set por 25 a 22 e empatou a partida em 2 sets a 2.

No tie-break, a rivalidade entre as equipes ficou mais acirrada, e o clima esquentou em Contagem. Em lance polêmico, o árbitro marcou ponto para o Cruzeiro, mas, após reclamação de Marcelinho, voltou atrás e deu ponto para os visitantes. O Minas manteve o pique dos sets anteriores e fechou o jogo em 15 a 13.
 

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.