sexta-feira, 26 de Agosto de 2011 11:02h Atualizado em 26 de Agosto de 2011 às 11:06h. Luciano Eurides

Naldo pode ser o xerifão do clássico e Dudu pode ser surpresa

O zagueiro Naldo foi o jogador mais aproveitado pelo técnico Joel Santana no Cruzeiro, Naldo está na expectativa de voltar ao time no próximo domingo, contra o Atlético-MG, na Arena do Jacaré, em Sete Lagoas, e disputar o clássico mineiro pela primeira vez.


O jogador falou da expectativa frente ao grande jogo. “Prazer imenso, disputar pelo Cruzeiro o meu primeiro derby aqui. Tem que ficar tranquilo na hora da partida, não ficar nervoso e estar sempre focado nesse jogo. Estamos nos preparando nessa semana para fazermos uma grande partida e sairmos vitoriosos”, disse. “Nesse último jogou (vitória de 1 x 0 sobre o Ceará), acabaram jogando o Gil e o Léo. São dois bons jogadores e, graças a Deus, deu tudo certo e ganhamos o jogo. Meu pensamento agora aqui é no clássico e depois em uma sequência. Vou procurar conseguir o meu espaço, como eu vinha conseguindo”, completou Naldo, que disputou 11 das 13 partidas em que Joel comandou o Cruzeiro.


Naldo destacou ainda a importância para o time azul de outros jogadores mais experientes no elenco para a disputa do clássico, como o goleiro Fábio, que já participou de 27 jogos contra o adversário de domingo, tendo obtido nada menos que 16 vitórias, cinco empates e seis derrotas. “Tem que ter, passa uma experiência a mais. Um detalhe ou outro, a gente pode ganhar a partida e para não sermos surpreendidos também. Como eu falei, a gente tem que conversar também com o pessoal da frente, os volantes, laterais, para a gente sempre trabalhar juntos”, afirmou.
 

O meia Walter Montillo destaca a importância da vitória no domingo projetando o que o resultado pode significar para a sequência do time cruzeirense na competição.  “Creio que o Cruzeiro pode fazer um bom jogo. Temos que terminar o primeiro turno com 27 pontos e pensar no que vem depois. Um clássico agora é importante para fechar com 27 pontos. Espero que o time ganhe. Somos 11 que entram em campo para fazer o melhor. Quero ganhar todos os jogos, especialmente um clássico contra Atlético. Não tive sorte de ganhar deles ainda. Domingo é um bom jogo para o time ganhar, continuar com o processo com o Joel. Passamos uma fase ruim de quatro jogos sem ganhar. Tomara que encontremos essa regularidade no segundo turno.”, disse.


O argentino diz que a vitória é a única coisa que importa no jogo de domingo, independentemente de o Cruzeiro jogar bem ou mal. “Espero que o clássico tenha muitos gols. Mas temos que ganhar o jogo. Não importa se jogando bem ou mal. Se Deus quiser, com muitos gols é melhor ainda. Mas clássicos são bem fechados.Atlético vai querer ganhar, com toda a torcida deles. Precisamos ganhar. 1 a 0, 2 a 0, 2 a 1. Qualquer placar que seja”.


Questionado sobre o clássico na última rodada do turno, Montillo acredita que, neste domingo, o peso do resultado no clássico vai ser o mesmo que sempre teve. “Peso vai ser na rodada 38, se os dois times tiverem brigando por alguma coisa. Agora, é mais um clássico, não muda nada. Na rodada 38 podem acontecer muitas coisas. Mas é importante ganhar clássico, em qualquer rodada. Ainda não encontramos o que estamos procurando. Não podemos ganhar um , perder outro.  Precisamos da regularidade dos times lá de cima. Precisamos ganhar dois jogos seguidos para saber pelo que estamos brigando”.
 

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.