segunda-feira, 6 de Agosto de 2012 10:14h Gazeta do Oeste

Para Celso Roth, gol sofrido no início do segundo tempo desestabilizou o Cruzeiro

O Cruzeiro começou bem a partida e criou chances de marcar, mas, desestabilizado, não teve a frieza para vencer o duelo. Em linhas gerais, essa foi a leitura do técnico Celso Roth da derrota celeste para a Ponte Preta, neste domingo, no Independência, por 2 a 1. O treinador lamentou o gol sofrido no início do segundo tempo, que, segundo ele, deixou o time instável na partida.

”Nós iniciamos bem o jogo, depois que a Ponte fez o gol, conseguimos empatar com muita luta, muita dedicação, não com futebol fluente. No intervalo, conversamos bastante, aí levamos o gol aos 3 minutos do segundo tempo, depois de tudo que aconteceu no primeiro, foi um peso. Tentamos de todas as formas, fizemos modificações, mas não conseguimos. As dificuldades foram enormes, tivemos oportunidades, mas não conseguimos”, avaliou Roth.

”Jogamos o tempo todo no campo da Ponte e não conseguimos, hoje realmente não foi uma noite inspirada, méritos da Ponte, que fez o que planejou. O gol influenciou a equipe, o segundo gol foi para desestabilizar, uma bola parada, uma bola frontal, depois de tudo que fizemos na primeira etapa. Reagrupamos a equipe no intervalo, conversamos, e o segundo gol desestabilizou. Infelizmente, tivemos oportunidades e não concluímos, futebol é isso, desestabiliza”, completou.

Por fim, Roth rechaçou a hipótese de a equipe preferir jogar fora de casa, já que o desempenho no Independência tem sido irregular. Para ele, os resultados ruins dentro de casa não têm relação com o campo ou a proximidade com o torcedor.

”Não podemos criar uma situação que não existe. Não estamos querendo jogar fora para ficar longe, pelo contrário, queremos o torcedor junto conosco. Não existe isso de o torcedor não estar conosco. A manifestação contrária do torcedor com os resultados ruins é absolutamente normal e tem que ser assim mesmo”, concluiu.

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.