sábado, 27 de Outubro de 2012 05:04h Gazeta do Oeste

Para Guerreiro, falta de investimentos de peso é uma das causas para má campanha

A temporada 2012 se aproxima do fim e os jogadores do Cruzeiro tentam identificar as causas para um ano longe de conquistas. Ao analisar a má campanha no Campeonato Brasileiro, Leandro Guerreiro ressaltou as dificuldades financeiras vivenciadas pelo clube.

Para o volante, a falta de grandes investimentos no Cruzeiro deixou a equipe distante da briga no topo da tabela. “O presidente pegou o Cruzeiro no caixa zero. Os times que estão em cima da tabela são os que mais investiram. O Cruzeiro investiu, mas não conseguiu trazer alguém de peso como os outros fizeram. Temos certeza que, ano que vem isso, vai mudar e vamos colocar o Cruzeiro brigando lá em cima”, disse.

Foram 21 contratações feitas pelo Cruzeiro em 2012. Poucos desses atletas conseguiram assegurar uma vaga entre os titulares. Atualmente, Martinuccio é um dos principais nomes do time. Já o lateral-direito Ceará tenta superar as lesões. Outros reforços, como Tinga e Borges, convivem com a reserva no time comandado por Celso Roth.

A cinco jogos do encerramento da temporada, Leandro Guerreiro avalia que as mudanças na equipe prejudicaram rendimento. “A gente sabe que esse ano o time não encaixou, não deu aquela liga que quem está na ponta conseguiu. A gente vem jogando um tempo bom e outro abaixo nos jogos. Temos que continuar trabalhando, acabar o ano com dignidade. Vamos trabalhar para tentar vencer os cinco jogos”, observou.

Com chances praticamente nulas de chegar à Libertadores, o volante afirma que o objetivo agora é chegar à Copa Sul-Americana. “Temos que entrar em campo sempre com com pensamento de vencer. Honrar a camisa do Cruzeiro, o nosso nome. Nosso objetivo é buscar a Sul-Americana”, destacou.

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.