quarta-feira, 28 de Agosto de 2013 07:03h Luciano Eurides

Polêmica na Taça Pará de Minas

Flamengo comemora e Palmeiras é quem se classifica para a final

A Taça Pará de Minas de Futebol de Base teve um capítulo muito importante na semifinal. O Palmeiras e Flamengo se enfrentaram no Campo da Gecol e a partida terminou sem gols, o empate favoreceria a equipe de melhor campanha, o Flamengo comemorou a classificação, horas depois a organização confirmou o Palmeiras na finalíssima. Até agora foram 281 partidas, 939 gols e uma média de 3,34 por partida.

Segundo o regulamento da competição as equipes com melhor desempenho na fase de classificação teriam a vantagem do empate. O Flamengo observou isso, entrou em contato com Renato Oliveira que garantiu ser a equipe Rubro Negra, horas mais tarde efetivou o Palmeiras na vaga. A decepção foi maior por conta do time do Mendes Mourão ter jogado de modo tático para o empate.

No primeiro tempo o Flamengo teve um volume de jogo maior, mas foi o Palmeiras que chegava com perigo e Rafael foi obrigado a fazer mais defesas. O time Rubro Negro com uma formação diferente, apenas Felipe do Gil com características de ataque. Mateus e Ruan fechando pelo meio campo e Felipinho comandando o time. No segundo tempo o time mudou, entrou Guigui no lugar de Romenigue e a substituição não deu efeito, pois Ruan logo se machucou e sem reservas, o time seguiu com dez atletas.

O Palmeiras tentava fazer o jogo simples, sair pelas laterais e forçar as jogadas individuais de Diego e Pelé. Com uma postura defensiva firme e saída rápida de bola o time chegava até a área do Flamengo, mas o último chute realmente não foi satisfatório e no final, 0x0. O time do Mendes Mourão comemorou e horas mais tarde a organização conferiu ao Palmeiras a classificação.

Na categoria 2001, em jogo válido pela semifinal o Palmeiras foi arrasador e passou pelo Flamengo com facilidade. Aos três minutos de jogo o atacante Caio abriu o marcador para o Palmeiras. Aos 13, lançamento para Caio no meio da área, ele teve a calma para dominar e chutar forte para fazer 2x0. Aos 16, bola na esquerda, com muita habilidade deixada para Guilherme chutar e fazer 3x0. Ainda houve tempo para Danilo marcar o quarto gol verde e preto.

No segundo tempo, o time do Flamengo melhorou a marcação, saiu para o ataque e conseguiu equilibrar a partida. Aos 20, Leo em cobrança de falta fez o gol de honra do Flamengo.

RESULTADOS


CAT.01 VASCO DIVINÓPOLIS 2 X 1 JUVENTUS NOVA SERRANA
CAT.02 VASCO DIVINÓPOLIS 2 X 1 FLAMENGO DIVINÓPOLIS
CAT.00 VASCO DIVINÓPOLIS 1 X 2 CRUZEIRO P.M
CAT.99 VASCO DIVINÓPOLIS 0 X 2 CRUZEIRO P.M
CAT.98 BELA VISTA CLÁUDIO 1 X 2 GUARANY PARÁ DE MINAS
CAT.98 PALMEIRAS DIVINÓPOLIS 0 X 0 FLAMENGO DIVINÓPOLIS
CAT.01 PALMEIRAS DIVINÓPOLIS 4 X 1 FLAMENGO DIVINÓPOLIS

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.