quinta-feira, 28 de Janeiro de 2016 09:13h Luciano Eurides

Primeiro Brave Challenge (Desafio dos Bravos) reúne atletas de toda a região

O primeiro Desafio dos Bravos, uma corrida de aventura, onde técnica e resistência são colocadas à prova durante todo o percurso, foi realizada no último domingo, no bairro Itacolomi, em Divinópolis

O evento contou com o apoio da Associação Divinopolitana de Desporto, Recreação e Atletismo (ADDRA) e 76 competidores.

Atletas de Divinópolis, Três Pontas, Pará de Minas, Oliveira, São João Del Rey e Santo Antônio do Monte encararam o desafio e, com o sucesso do evento, ele entra de vez para o calendário da cidade. Uma prova de quatro quilômetros, mas serve para realmente testar as condições técnicas e físicas dos candidatos ao atletismo, o resultado dela poderemos ver nas próximas corridas da cidade.

O pódio local feminino teve Ana Lúcia, da equipe Acord, em primeiro lugar, seguida de Renata Rachid, nas demais colocações, as corredoras da DNA Brutus, sendo: Juliana Fernandes, Cecília Rodrigues e Ana Barros, terceira, quarta e quinta posição, respectivamente.

No local masculino, o idealizador da prova Janderson Rodrigues, da equipe Acord, seguido de Paulo Henrique, outro que é um dos expoentes da corrida de aventura; ainda o domínio da Acord do terceiro ao quinto lugar, com: Flávio Henrique Andrade, Waldeli Nascimento e Anderson de Oliveira.

No geral feminino, Altair Aparecida de Melo de Santo Antônio do Monte foi a melhor, Emanuela Marra (Acord) representou muito bem Divinópolis. As demais, Maria das Dores de Carvalho e Alcione Roberta da Silva, da equipe de São João Del Rey. Fechando o pódio Wanderli Tavares (Acord).

No geral masculino, o atleta Everton Libério (Acord) provou estar totalmente recuperado. Ele foi seguido de Tiago Sebastião (Três pontas), Vicente Ferreira (Acord), Jaime Barboza Brito (Três Pontas) e Ricardo Vinícius (Santo Antônio do Monte).

Embora o percurso de 4 km, as dificuldades são grandes, tanto que Ewerton Libério, corredor com boa experiência de corridas, bem treinado, conseguiu o primeiro lugar em 17min59s. Janderson Rodrigues em 20min38s. Vale ressaltar ser uma prova muito boa para avaliação de desempenho para os corredores e também resistência. Ao mesmo tempo, uma preparação para o ano esportivo ainda em início, por isso, agradou e se torna importante para o desenvolvimento do atletismo da região. Futuramente, haverá um marco de antes e depois da Brave Challenge.

© 2009-2016. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.