quinta-feira, 2 de Fevereiro de 2012 10:25h Luciano Eurides

Rafael joga contra o Guarani

O zagueiro Maurício Victorino, que sofreu um acidente automobilístico na noite de terça-feira, foi poupado do treino tático promovido por Vágner Mancini. O defensor fez trabalhos físicos e, segundo o departamento médico do clube, dificilmente ficará fora da estreia do time no Campeonato Mineiro, neste domingo, às 17h, na Arena do Jacaré, contra o Guarani de Divinópolis.
O time do treino de ontem teve Rafael, Diego Renan, Leo, Thiago Carvalho e Gilson; Leandro Guerreiro, Amaral, Marcelo Oliveira e Montillo; Anselmo Ramon e Wellington Paulista.
O time reserva treinou com Fábio, Jackson, Cribari, Mateus e Marcos; Diego Arias, Everton e Roger; Bobô, Walter e Wallyson. Este foi o primeiro treino tático do centroavante Walter, contratado junto ao Porto e que chegou à Toca da Raposa II no decorrer da pré-temporada.
O atacante Fábio Lopes, que ainda não foi apresentado oficialmente pelo Cruzeiro, aprimorou a forma física no campo ao lado, com o preparador Quintiliano Lemos. O volante Rudnei correu ao redor do gramado. Ele se recupera de uma fratura no nariz.
Como o goleiro Fábio e o meia Roger estão suspensos, o Cruzeiro enfrentará o Guarani com Rafael, Diego Renan, Leo, Victorino e Gilson; Leandro Guerreiro, Amaral, Marcelo Oliveira e Montillo; Anselmo Ramon e Wellington Paulista.
Titular nos dois amistosos do Cruzeiro neste ano, contra América-MG e Mamoré, ao lado de Wellington Paulista, Anselmo Ramon destaca a confiança depositada pelo técnico Vágner Mancini na dupla que formou o ataque cruzeirense na reta final do Campeonato Brasileiro o ano passado. “É sempre bom, o treinador passando confiança. Não só para mim, mas para todo o grupo. Cabo a nós, jogadores, desempenhar um bom futebol e fazer um grande Campeonato Mineiro”, disse.
No entanto, como disse Mancini recentemente, caberá aos atletas, com atuações convincentes, garantir uma vaga na equipe titular. E Anselmo Ramon sabe muito bem disse, ainda mais com as várias opções que o treinador tem para montar o ataque. “O grupo tem jogadores de qualidade. Então, temos que aproveitar da melhor maneira possível as oportunidades que aparecem, e fazer os gols quando tiver as chances”, comentou.
Sobre o fato de não ter balançado a rede nos dois amistosos disputados neste ano (os quatro gols foram marcados por Wellington Paulista), Anselmo Ramon afirmou que cabe a ele se empenhar e não ficar ansioso, que os gols vão sair. “Quanto a isso eu estou tranquilo. Os gols vão sair na hora certa, naturalmente. E parabéns ao Wellington, que fez dois grandes amistosos e tem nos ajudado bastante. Quanto a mim, é ter tranquilidade, que os gols vão sair na hora certa”.

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.