sexta-feira, 14 de Janeiro de 2011 00:00h

Ronaldo não revela meta de gols

Depois de projetar 30 gols em 2009 e 2010, Fenômeno prefere não divulgar números e espera viver mais distante do departamento médico
Por Carlos Augusto Ferrari
São Paulo

Nos últimos dois anos, Ronaldo estipulou marcar 30 gols ao longo da temporada, mas não conseguiu cumprir. Para 2011, o Fenômeno evita fazer projeções sobre seu desempenho nos gramados e se contenta em ficar bem longe das lesões no último ano como jogador profissional de futebol.

- Eu sempre projeto coisas incríveis e objetivos difíceis, né? Mas esse ano não vou fazer uma projeção pública. Vai ficar guardado comigo – afirmou.

Em 2009, quando chegou ao Corinthians, Ronaldo quase atingiu a marca. Com ótimas atuações nas conquistas da Copa do Brasil e do Paulistão, o Fenômeno embalou, mas sofreu no segundo semestre com a fratura na mão direita que o tirou de quase dois meses de combate. Com isso, acabou a temporada com 23 gols.

Já no ano passado, o ídolo não contou com a sorte. Ele se lesionou desde o começo do Campeonato Paulista e não conseguiu ser constante ao longo dos torneios. Mesmo obtendo uma boa sequência de jogos na reta final do Brasileiro, ficou longe do objetivo, marcando somente 12 gols.

- Espero realmente que esse seja um ano de poucas lesões. Nem diria zero lesão, mas que seja um ano de lesões normais do futebol – ressaltou.

Ronaldo faz questão de destacar a luta diária para continuar atuando depois de tantos problemas físicos. O craque garante estar motivado para jogar em alto nível no ano de despedida e sonha apenas em estar feliz dentro de campo.

- Eu sou movido a motivação, e a minha é estar dentro de campo. Logicamente, tenho que superar vários obstáculos. A pré-temporada é um obstáculo tremendo para mim. Esse ano foi mais tranquilo, passamos apenas uma semana em Itu. É muito desgastante ficar concentrado tantos dias. Vamos tentar fazer um ano muito divertido, feliz para a nação corintiana. Fazer em cada domingo e em cada quarta-feira que a minha torcida e o povo brasileiro se divirtam – completou.

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.