quarta-feira, 1 de Agosto de 2012 16:01h Gazeta do Oeste

Roth deve manter dupla reserva na zaga cruzeirense

O Cruzeiro tinha sérios problemas defensivos antes do jogo contra o Palmeiras, no último domingo. O time mineiro não podia contar com três de seus zagueiros: Léo estava suspenso, Mateus, gripado, e Rafael Donato, vetado por conta de uma cirurgia plástica no nariz.

O técnico Celso Roth se viu obrigado a escalar o uruguaio Victorino, que não vinha sendo relacionado para os jogos, e o garoto Thiago Carvalho. E aprovou a atuação de ambos na vitória por 2 a 1. Tanto que já avisou que a dupla deve ser mantida para o duelo com a Ponte Preta, domingo, novamente no Independência.

"Foi extremamente positiva a atuação deles. A bola saiu trabalhada de trás, com paciência, com qualidade, e isso deu o tom do jogo. A expectativa é pela manutenção tanto dos jogadores que atuaram na defesa, como também no nosso ataque", disse Roth, também em referência ao atacante Walysson, que não vinha jogando, mas foi escalado contra o Palmeiras e agradou ao treinador

O meia Montillo e o atacante Borges, que não treinaram na terça-feira por conta de dores musculares, não preocupam a comissão técnica e também devem ter presença assegurada diante da Ponte Preta.

O Cruzeiro vem de uma sequência de três vitórias nos últimos quatro jogos e ocupa a quinta colocação do Brasileiro, com 23 pontos, nove a menos que o líder e arquirrival Atlético-MG. 

 

 

 

 

 

 

HOJE EM DIA

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.