segunda-feira, 5 de Março de 2012 17:26h Atualizado em 6 de Março de 2012 às 09:36h. Luciano Eurides

Sala das Federações é inaugurada em Divinópolis

Foi inaugurada na noite da última sexta-feira, pela secretaria de Esportes e Lazer de Divinópolis, a Sala das Federações. O espaço é destinado a todas as federações esportivas para reuniões, correspondências, elaboração de projetos e demais trabalhos que fortalecerão todas as modalidades esportivas da cidade.
Na solenidade, participaram esportistas de toda a região, diversos secretários municipais de esportes das cidades vizinhas e representantes das federações de vôlei, ciclismo e tênis. Na oportunidade ouviram de Rominho Duarte, secretário de Esportes de Divinópolis, um discurso inédito. O secretário que normalmente não usa a palavra em solenidades ou se a faz, apenas por alguns minutos, contabilizou avanços e desafios vencidos pelo esporte através da luta pela associação mineira de federações. “Começamos a construir esse caminho para dar uma estrutura e pudéssemos através disso levarmos informações técnicas para os atletas, entidades, clubes e fortalecer esse movimento olímpico. Isso é uma semente plantada, sabemos das deficiências, mas não tem faltado empenho para atendermos a comunidade esportiva. Cada cidade com sua modalidade em potencial podemos fazer crescer o centro oeste. Esse é um momento histórico, teremos o Mountain Bike, a inauguração do poliesportivo no dia 25 de maio, que será  a casa do esporte especializado, CSU já com a sala coberta e reformas no poliesportivo de Ermida. Assinalamos com o empreendimento do Guarani e unimos forças”, falou.
Para Wellington de Souza, o Formigão, atleta de Rally e hoje no ciclismo, a sala é importante para o básico, o mínimo necessário para o esporte chegar e crescer na cidade. “O propósito maior é o atleta ter onde ir, infelizmente no Brasil de hoje temos pessoas que não dominam a internet, aqui será o point dele, da federação dele, um ‘QG’, Divinópolis não fica devendo nada em questões de esporte, mesmo comparada a outras maiores que ela, pela interação, pela proximidade da administração municipal e entidades esportivas. Divinópolis no ano do centenário, além da Copa Internacional de Mountain Bike, vamos fazer a Copa Divinópolis de Mountain Bike como seletiva para formar a seleção dos jogos de Minas Gerais”, anunciou.
Jorge Brasileiro da unidade técnica de eventos da federação de vôlei comentou já existir um movimento em prol do vôlei no centro oeste mineiro e vai ganhar força com a sala das federações. “Na região, Divinópolis é uma referência no esporte, precisávamos de um espaço em comum, o Rômulo (Duarte) atendeu em uma conversa inicial e abraçou a causa. Importância é de ter um espaço para agregar. Temos já em disputa, mesmo sem a sala, o festival mini vôlei com 400 crianças de 8 a 14 anos. Temos um circuito realizado em Bom Despacho e teremos outro em Nova Serrana. Pequenos passos e vamos agregando a região. Aqui é um centro de formação de atletas, já temos a Liga Centro Oeste e vamos chamando as outras modalidades nesse processo”, disse.
Na sala há mobiliário e um computador com acesso a internet, um estagiário e muita disposição para um novo passo rumo ao crescimento do esporte olímpico em Divinópolis e região.

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.