sexta-feira, 31 de Agosto de 2012 11:38h Gazeta do Oeste

Salum sobre Milagres: 'não foi demissão, apenas um período de experiência'

O integrante do conselho administrativo do América, Marcus Salum, compareceu ao CT Lanna Drumond na tarde desta quinta-feira para participar da apresentação do técnico Mauro Fernandes e explicar a saída de Milagres, que não resistiu aos resultados negativos do time na Série B. Sob o seu comando, o Coelho disputou cinco jogos, com três derrotas, um empate e uma vitória, o que representa um aproveitamento de apenas 26,66%.

 

 

Milagres voltará ao time júnior. Marcus Salum revelou que isso já estava combinado com o treinador antes de ele assumir a equipe profissional. “O Milagres fez um acordo com o América. Era o momento de ele fazer uma experiência. Se os resultados viessem de forma rápida, ele continuaria. Se não acontecesse de forma imediata, ele seria reconduzido aos juniores. Então, não foi demissão. Estava tudo combinado. Fizemos esse trato e sabemos que esses cinco jogos foram importantes para a carreira dele em termos de experiência”, contou.


Para Salum, Milagres tem plenas condições de voltar a comandar o time principal do América no futuro. “Ele tem toda condição de voltar a ser treinador profissional. Foi um momento de anseio do torcedor que foi respeitado”, disse.

 

Na derrota do Coelho ante o Ceará, por 3 a 1, na última terça-feira, no Independência, o torcedor americano perdeu a paciência com a má fase da equipe e protestou contra a diretoria. “Queremos do torcedor o apoio. Eles têm direito de vaiar. Mas vamos fazer de tudo e não vamos nos esconder. Precisamos da vitória para ter tranqüilidade. Estou muito feliz em contar de novo com o Mauro Fernandes”, completou Salum.

 

 

 

 

 

 

 

SUPERESPORTES

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.