quarta-feira, 16 de Abril de 2014 06:11h Atualizado em 16 de Abril de 2014 às 06:13h.

São Lázaro vence amistosos frente à Associação Danilo Passos

O Esporte Clube São Lázaro venceu na manhã de domingo a Associação Danilo Passos.

Os bicolores venceram os Alviverdes nas categorias Escolinha, Mirim, Infantil e Juvenil. A torcida lazarina lotou a Arena do Vulcão e ficou satisfeita com o que viu.
As escolinhas de São Lázaro e Associação fizeram um bom jogo na abertura futebolística da Arena do Vulcão. Os lazarinos marcaram primeiro com Sorin e logo em seguida ampliaram com Antônio. Os divinopolitanos diminuíram após o rebote do goleiro, Guilherme, sobrar na área e se oferecer para o atacante alviverde: 2 a 1. O jogo ficou corrido e a equipe de Divinópolis avançou seus meias, povoando a defesa lazarina. Essa pressão gerou confusão na defesa cajuruense.
Quando tudo caminhava para que a Associação empatasse a partida, em um contra-ataque, veio o balde de água fria. A bola roubada na defesa encontrou o atacante lazarino, Rian. Ele avançou por entre a defesa da Associação e fuzilou o gol, 3 a 1. Os divinopolitanos marcaram mais um em uma cobrança de falta, mas não havia mais tempo para a reação. Final de partida, 3 a 1 para o bicolor cajuruense.
Na categoria Mirim, lazarinos e alviverdes ficaram o primeiro tempo todo se estudando. Jogo mesmo, só na segunda etapa. No retorno do intervalo os cajuruenses imprimiram uma forte pressão nos minutos iniciais e chegaram ao gol depois de uma cobrança de falta. Zé Eduardo cobrou pela esquerda e achou a cabeça do atacante Rodrigo, que só desviou para abrir o marcador, 1 a 0.
A partida ganhou emoção e os bicolores desperdiçaram muitas chances para ampliarem o marcador. Nos minutos finais, Luís Gustavo recebeu um bom passe pela direita, driblou seus marcadores e invadiu a área chutando no canto esquerdo do goleiro alviverde, 2 a 0. Não deu tempo para comemorar muito. Os divinopolitanos também conseguiram chegar ao gol quatro minutos depois. Cobrança de falta pela direita, a bola passou pela defesa lazarina e encontrou a cabeça do atacante da Associação, 2 a 1. Mas já era tarde.
O jogo da categoria Infantil até se mostrou equilibrado nos primeiros dez minutos, porém, daí por diante, só deu São Lázaro. Os lazarinos dominaram todos os setores do campo alviverde e não deixavam que os divinopolitanos trabalhassem a bola. Com esse domínio imprimiram forte pressão à meta adversária. As jogadas feitas pelo meio campo e a ligação do mesmo com o ataque eram rápidos e as finalizações esbarravam na boa atuação do goleiro da Associação. Foi a bela partida do guarda metas alviverde que impediu a abertura do marcador no primeiro tempo.
Na segunda etapa, a pressão do bicolor continuou e não demorou muito para que fosse inaugurado o marcador na Arena do Vulcão. Samuel desviou, com a cabeça, uma falta cobrada pela direita e fez 1 a 0. Minutos depois Matheus recebeu a bola na entrada da área, driblou seus marcadores e chutou forte para ampliar: 2 a 0. Foi de Matheus também o terceiro gol. Ele aproveitou a péssima cobrança de tiro de metas e chutou da intermediária para vencer o bom goleiro divinopolitano: 3 a 0.
A partida estava nos descontos quando o lateral, Natan, pegou a bola pela esquerda, avançou driblando todo o sistema defensivo da Associação, adentrou a área e foi derrubado: pênalti. Natan cobrou e fechou o marcador na Arena do Vulcão em 4 a 0.
Na partida de fundo os juvenis de São Lázaro e Associação fizeram um jogo nervoso e cheio de discussões. Querelas à parte, o futebol foi bem jogado. A partida foi bem administrada pelos meio campistas das duas equipes e as chances estiveram ao alcance dos atacantes durante toda a partida.
A primeira etapa ficou no 0 a 0 com equilíbrio dentro da partida. No segundo tempo o São Lázaro foi melhor e conseguiu seu gol num chute de fora da área de Tales. O gol foi bastante comemorado pelos lazarinos, Tales fazia seu retorno à equipe. A partida foi disputada debaixo de um forte sol e isso prejudicou muito o futebol das duas equipes. Final de partida, São Lázaro 1 a 0.

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.