quarta-feira, 11 de Novembro de 2015 09:43h Atualizado em 11 de Novembro de 2015 às 09:47h.

Seleção enfim completa para encarar a Argentina

O primeiro treino da Seleção Brasileira para o jogo contra a Argentina foi realizado na tarde desta segunda-feira (9), no CT Joaquim Grava, do Corinthians

Dos 18 jogadores presentes, três foram a campo para trabalhar com Dunga e Andrey Lopes. Os goleiros Jefferson, Alisson e Cássio se exercitaram ainda com o preparador Taffarel.
Willian, Oscar, David Luiz, Douglas Costa, Elias, Gil, Luiz Gustavo, Kaká, Renato Augusto e Lucas Lima, depois do aquecimento comandado pelo preparador Fábio Masheredjian, participaram do treino técnico em campo reduzido.
Miranda, Fernandinho, Ricardo Oliveira, Filipe Luís e Douglas Santos trabalharam na academia, sob a orientação do preparador físico Ânderson Paixão.
Neymar e Daniel Alves se apresentaram no Hotel Marriott Guarulhos enquanto a Seleção treinava. Logo depois, foi a vez de Hulk e Danilo. Os quatro se juntaram ao grupo no treino da terça-feira (10), portanto, os 23 jogadores, já contando com Gabriel Paulista.
Danilo conhece Neymar muito bem. Ao lado do craque, no Santos, foi campeão paulista e da Libertadores em 2011. No mesmo ano, na seleção brasileira sub-20, ambos conquistaram o Sul-Americano. Desde esta temporada, no entanto, ambos viraram arquirrivais. Comprado do Porto por 31,5 milhões de euros (cerca de R$ 110 milhões pelo câmbio da época), o lateral-direito passou a defender o Real Madrid, maior adversário do Barcelona.
Nesta segunda-feira, quando se apresentarem à seleção brasileira para os jogos contra Argentina e Peru, pelas Eliminatórias, Danilo e Neymar voltarão a ficar lado a lado. Em entrevista exclusiva ao jornal O Estado de S. Paulo, publicada nesta segunda-feira, o lateral-direito rasga elogios ao amigo, mas não vê a seleção dependente do craque.

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.