terça-feira, 17 de Novembro de 2015 10:55h

Seleção volta a campo pelas eliminatórias da Copa do Mundo

Na próxima rodada das Eliminatórias para a Copa do Mundo de 2018, a Seleção Brasileira encara o Peru na Arena Fonte Nova, em Salvador, na terça-feira (17), às 22h

No que diz respeito à superstição, os torcedores podem ficar tranquilos: o Brasil nunca foi derrotado no estádio. Ao todo, foram 12 partidas, sete vitórias da Seleção e cinco empates.
A história do time canarinho na Fonte Nova começou no dia 6 de julho de 1969, em um amistoso contra o Bahia. A partida terminou com a vitória da Seleção por 4 a 0, coincidentemente, o maior triunfo da equipe nesse palco. Dez anos mais tarde, a adversária foi a Seleção Baiana, e o resultado foi um empate em 1 a 1. O primeiro duelo com uma seleção internacional foi em 8 de julho de 1981. Vitória por 1 a 0 sobre a Espanha, gol de Baltazar.
O ano de 1983 marcou o jogo mais importante do Brasil na Fonte Nova. Era a final da Copa América, e, apesar do apoio de 85 mil torcedores, a Seleção ficou no 1 a 1 com o Uruguai. Como tinha perdido na ida por 2 a 0 em Montevidéu, o Brasil ficou com o vice-campeonato.
A compensação veio na Copa América de 1989, sediada no Brasil. A Fonte Nova recebeu três jogos da Seleção Brasileira na primeira fase: dois empates sem gols com Peru e Colômbia e uma vitória por 3 a 1 sobre a Venezuela. Nesse jogo, Bebeto, Geovani e Baltazar balançaram as redes para o Brasil, enquanto Carlos Maldonado descontou para a Venezuela. No fim das contas, a Seleção Brasileira sagrou-se campeã, acabando com o jejum de 40 anos.
Em clássicos, a Seleção também tem sorte. Derrotou a Argentina por 2 a 1 em 1985, com gols de Careca e Alemão – Jorge Burruchaga fez para os argentinos – e, em 1995, quase 60 mil pessoas viram o Brasil fazer 2 a 0 no Uruguai, com dois de Ronaldo.
A última partida antes da reforma da Fonte Nova foi o empate em 2 a 2 no amistoso contra a Holanda, em 1999. Um jogão que repetiu a semifinal da Copa do Mundo de 1998. Amoroso e Giovanni colocaram o Brasil em vantagem no primeiro tempo, mas Kluivert e Peter Van Vossen deixaram tudo igual na segunda etapa.
A Fonte Nova foi demolida e reconstruída para sediar a Copa do Mundo de 2014. Também fez parte da Copa das Confederações de 2013, na qual foi palco da vitória do Brasil por 4 a 2 sobre a Itália, na primeira fase da competição. Dante, Neymar e Fred – duas vezes – balançaram as redes dos italianos, que descontaram com Giacherini e Chiellini.
A partida contra o Peru será a primeira da Seleção Brasileira na Fonte Nova em Eliminatórias, e a expectativa é que o estádio continue ajudando a equipe.

Leia Também

Imagem principal

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.